Quarta-feira, 13 de Junho de 2012

FEMEN, PROTESTAM NUAS E FALAM AO MAISFUTEBOL: «NÃO PARAREMOS»

São o lado sórdido do Campeonato da Europa 2012. Opõem-se radicalmente à realização da prova na Ucrânia e usam as armas que podem nos protestos públicos: exibem corpos despidos, tatuados apenas com gritos inconformistas. 

As FEMEN são, oficialmente, uma ONG. Um grupo de mulheres contestatárias, dispostas a criar um novo estilo de vida numa sociedade que dizem estar «doente». 

Para perceber melhor as suas intenções, o Maisfutebol entrevistou a líder e fundadora Anna Hutsol. 

Reportagem na Ucrânia com a líder e fundadora de um radical movimento ONG. «Com o Europeu isto ainda ficou pior»Anna só fala ucraniano e a barreira linguística apenas foi ultrapassada com a ajuda de uma tradutora. A primeira questão era lógica: porquê o recurso à nudez nestes protestos organizados na Ucrânia e na Polónia? 

«Apenas uma ação radical pode ajudar a mudar a situação na Ucrânia. Temos de ser nós a agitar as coisas. Se formos para as ruas aos berros ninguém nos liga nenhuma. Não vamos parar», responde Anna Hutsol, antes de rejeitar por completo a acusação que ouve constantemente.

«Busca de protagonismo? Os nossos corpos são um meio para atingir um fim. Estamos fartas da corrupção na sociedade ucraniana. O Euro2012 é a face mais visível dessa rede de favores e compadrios. O dinheiro gerado não ajudará o país, apenas uma imensa minoria». 

«Com o futebol isto ainda é pior»

Anna Hutsol tem 29 anos. Dedica-se por completo ao projeto FEMEN. Outra das suas demandas é acabar com o que chama de «circo no turismo sexual». 

«Com o futebol é ainda pior. Os adeptos vêm, vandalizam a Ucrânia e tratam mal as nossas mulheres. 30 por cento das prostitutas europeias são ucranianas. Fogem para essa vida por não terem alternativas», reclama a líder da organização. 

«É esta sociedade infernal que obriga as pessoas a fazerem o que não querem. Não aceito isso». 

As imagens correm os noticiários, são familiares. As FEMEN estiveram de seios ao vento no jogo de inauguração em Varsóvia, foram a Kiev ao Ucrânia-Suécia e planeiam novos protestos para breve. 

«Continuarem a lutar da nossa forma. Fui assistente social alguns anos e percebi o que as mulheres deste país passam. Há uma cultura patriarcal nojenta. Quem se quiser unir a nós só tem de ir ao nosso site ou enviar-me um mail». 

«Os homens podem ajudar, mas não sem roupa»

Afinal, quem são as mulheres integrantes das FEMEN? «Somos um grupo heterogéneo. Há pessoas licenciadas, médicas por exemplo, e outras mais simples. Temos a cabeça no lugar. Somos bonitas, não somos prostitutas».

Enquanto houver Euro2012, portanto, é muito provável, que se volte a ver imagens de jovens ucranianas cheias de vida e convicções sociais. As ruas são delas e até o troféu do Euro esteve perto de ser vandalizado. 

Esta entrevista não foi feita presencialmente. Apesar do simpático convite de Anna para nos deslocarmos a Kiev, os 600 kms de distância e a falta de tempo disponível impossibilitaram a viagem.

 

Retirado do Push



publicado por olhar para o mundo às 08:37 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Morreu Eusébio

Unesco consagra Dieta Med...

Morreu Nelson Mandela: A ...

Alejandro Sanz: 'A música...

Dulce Félix vice-campeã e...

Teatro, Festival de Almad...

Festim recebe Kimmo Pohjo...

Curta portuguesa entre as...

ARRISCA DEZ ANOS DE PRISÃ...

Maioria das mulheres alem...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags



comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links


blogs SAPO
subscrever feeds