Terça-feira, 19.06.12

Cristiano Ronaldo é o nono desportista mais bem pago do mundo

O capitão da selecção portuguesa é o nono atleta mais bem pago do mundo, segundo a Forbes, uma conceituada revista norte-americana. Apesar de ter o recorde da transferência mais cara de sempre no futebol (o Real Madrid pagou 94 milhões de euros ao Manchester United para o contratar), Cristiano Ronaldo é “apenas” o nono atleta mais bem pago do mundo.


A lista é liderada por Floyd Mayweather Jr., um pugilista norte-americano, que fez dois combates nos últimos 12 meses. Desde que é profissional, nunca conheceu o sabor da derrota.

Em segundo lugar, aparece outro pugilista: Manny Pacquiao. A sua vida não se resume apenas ao boxe e até tem uma história bem curiosa: Pacquiao é congressista nas Filipinas, o seu país-natal, e também um activista contra o tráfico humano. Muitos filipinos consideram que um dia poderá ser o líder daquele país. Numa entrevista à CNN, Pacquiao garantiu que não está nos seus planos mas “seja o que Deus quiser”.

No terceiro lugar do pódio aparece o golfista Tiger Woods. Até costumava ser ele o líder da lista, mas os escândalos em que se viu envolvido retiraram-lhe muitos patrocínios, deixando mais “pobre” a sua conta bancária.

Forbes: a lista dos dez atletas mais bem pagos (valores em milhões de euros)
1 – Floyd Mayweather Jr. (boxe) – 67,4
2 – Manny Pacquiao (boxe) – 49,1
3 – Tiger Woods (golfe) – 47
4 – LeBron James (basquetebol) – 42
5 – Roger Federer (ténis) – 41,7
6 – Kobe Bryant (basquetebol) – 41,4
7 – Phil Mickelson (golfe) – 37,9
8 – David Beckham (futebol) – 36,5
9 – Cristiano Ronaldo (futebol) – 33,7
10 – Peyton Manning (futebol americano) – 33,6

 

Noticia do Público

 



publicado por olhar para o mundo às 19:20 | link do post | comentar

Sexta-feira, 08.06.12
Cristiano Ronaldo e o jogo com a Alemanha: “Eu acredito”

Foi uma das expressões que mais vezes saíram da boca de Cristiano Ronaldo na antevisão do jogo de estreia no Euro 2012: “Eu acredito”. O capitão da selecção acredita que Portugal vai ganhar à Alemanha e que a ausência de favoritismo pode retirar pressão equipa.


“Não sentimos ansiedade. Talvez no dia do jogo a adrenalina esteja um pouco mais activa. A equipa está bem, confiante e preparada”. Palavra de capitão, palavra de estrela maior do Euro 2012. Cristiano Ronaldo chega ao torneio com uma grande época nas pernas, mas lembra que agora a história é outra: “Agora estou na selecção. Acredito nesta equipa. Vamos ver o que acontece”.

Entre elogios à Alemanha como um todo – “Não tem pontos fracos, é muito coesa” – e a algumas das individualidades, como Özil e Khedira, companheiros de equipa em Madrid, o avançado português aponta novamente aos “detalhes” como o factor decisivo para a partida. “A equipa que errar menos e estiver melhor nos detalhes ganhará a competição”.

Um dado do jogo que não será propriamente um detalhe para Portugal é a presença ou ausência de Nani. Paulo Bento, relegado para segundo plano numa conferência de imprensa com concorrência desigual, não desfez o tabu: “O Nani treinou-se ontem, irá fazer o treino de hoje e depois iremos avaliar a sua condição. Veio de alguns dias de paragem, com uma lesão num sítio onde já tinha tido problemas. Após o treino veremos como está”.

O que já está decidido é quem joga à frente da defesa: Miguel Veloso ou Custódio? O seleccionador já tomou a decisão mas guardou-a até amanhã, dia “Vamos tentar jogar olhos nos olhos com uma grande selecção. Será das poucas actividades em que os portugueses podem competir com os alemães. Não irá resolver os problemas do nosso país, mas temos a ambição de começar bem o Campeonato da Europa”.

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 19:04 | link do post | comentar

Segunda-feira, 04.06.12
Cavaco pede energia, Ronaldo promete equipa “concentradíssima” 

Cavaco Silva com Cristiano Ronaldo

 

Foi no cenário bucólico do Palácio de Belém que a selecção nacional se despediu de Portugal rumo à Polónia e Ucrânia, onde vai disputar o Euro 2012. A equipa de Paulo Bento foi recebida por Cavaco Silva, que aproveitou a ocasião para desejar “o maior sucesso desportivo” à selecção.


“Não será uma tarefa fácil para a selecção, mas os portugueses confiam e têm muita esperança. Tenho a certeza que cada jogador colocará o seu talento ao serviço do conjunto”, afirmou o Presidente da República. “O povo português agiganta-se nos momentos particularmente difíceis”, lembrou Cavaco Silva, sublinhando que a selecção tem “uma grande responsabilidade para com as gerações mais novas.”

O Presidente concluiu com desejos de sucesso para o Campeonato Europeu, frisando que a equipa nacional fará a sua estreia (frente à Alemanha) na prova no próximo sábado, dia 9 de Junho, véspera do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas: “Estou certo, os portugueses estão certos, que não faltará a vontade, não faltará a determinação, não faltará a energia por parte de todos, jogadores e equipa técnica para que logo no primeiro jogo saia honrado em termos desportivos o nome de Portugal.”

Antes do discurso de Cavaco Silva, tanto o presidente da Federação, Fernando Gomes, como o seleccionador Paulo Bento e o capitão Cristiano Ronaldo prometeram o máximo empenho para o Euro 2012. “Esta equipa está empenhada, concentradíssima para fazer um grande trabalho no Europeu. Vamos estar preparados”, garantiu Cristiano Ronaldo, que entregou a Cavaco Silva uma camisola da selecção nacional, com o número um e o nome nas costas.

A comitiva dirigiu-se de seguida para o Aeroporto de Lisboa, onde apanhou o avião para a Polónia. A chegada a Poznan está prevista para as 21h15 (menos uma hora em Portugal).

Da parte da manhã, a selecção treinou-se no Estádio da Luz perante pouco mais de uma centena de adeptos. Os titulares do encontro de sábado frente à Turquia (derrota por 1-3) realizaram treino ligeiro, enquanto os restantes 12 testaram sobretudo a finalização. Fábio Coentrão, Nani e João Moutinho, todos com traumatismos, estiveram ausentes da sessão.

 

Noticia do Público



publicado por olhar para o mundo às 19:07 | link do post | comentar

Sábado, 02.06.12

"Bom dia,

 

Gostaria de poder olhar o Cristiano Ronaldo olhos nos olhos e dizer-lhe "Perdeu um fã, por muito insignificante que seja".

 

Passo a explicar, hoje em óbidos a minha filha de 10 anos tinha treino de futebol, situação que não veio a acontecer em virtude da seleção nacional se encontrar nas mesmas instalações. Como é óbvio, apesar de não ter treino e sabendo que eu apenas a ia buscar às 20:00, ela logo aproveitou para admirar ao perto aqueles que a fazem sonhar com grandes jogos onde é ela a protagonista.

 

Quando lá cheguei encontrei, não a criança alegre e divertida que esperava mas sim uma criança abatida e tristonha. Quando lhe perguntei o que se passava ela simplesmente encolheu os ombros e disse "O cristiano não me quis dar um autografo por ter a camisola do Barcelona".

 

Fiquei sem saber o que dizer. A camisola que ela colocara para ir treinar, e que a mãe lhe comprara de presente aquando de visita a Barcelona, simbolo de um amor de mãe e nada mais (tivera visitado Madrid e a camisola seria obviamente outra), acabara por lhe trazer um desgosto.

 

A minha dor é ver a desilusão nos olhos da minha filha e tentar explicar a uma criança de 10 anos porque razão um membro da seleção nacional, que ela passou as últimas duas semanas a apoiar, presenciando avidamente todos os treinos, lhe virou as costas.

 

Expliquem-me porque eu não sou capaz!

 

Vocês que convivem diariamente com este mundo provavelmente conhecerão milhares de histórias semelhantes, talvez vocês possam compreender, justificar e até desculpar este tipo de comportamentos, mas o mesmo não se passa com ela.

 

 A mim soube-me bem este desabafo, obrigado por ouvirem."

 --

Robert Filipe

 

Retirado do Record



publicado por olhar para o mundo às 18:52 | link do post | comentar

Sexta-feira, 25.05.12

 

Cristiano ronaldo e os sarilhos com saias

 

 

O nome de Cristiano Ronaldo aparece envolvido numa cena pouco edificante ocorrida na madrugada do passado domingo nas imediações da discoteca Urban Beach, em Lisboa.

 


Em noite de folga, o jogador não esteve no Coliseu de Lisboa, na noite do passado domingo, para receber o Globo de Ouro de Melhor Desportista Masculino, mas deu um salto até à “after-party” que reuniu muitos dos premiados naquele espaço de diversão.

Em dado momento, segundo noticia a revista “Nova Gente”, Cristiano interessou-se por uma jovem, Carolina, namorada de Gonçalo Teixeira, vencedor do Globo de Ouro de Melhor Manequim.

Ronaldo tentou obter o número de telefone da beldade, ela recusou o pedido e, perante a insistência do craque, Carolina foi contar ao namorado…
Gonçalo Teixeira terá então abordado Cristiano Ronaldo já no espaço exterior da discoteca, onde os amigos que acompanhavam o famoso jogador português terão arrastado e empurrado o manequim para as águas do Tejo.

Afonso Quadros, do Grupo K, confirma que foi o staff que chefia que retirou o manequim da água: “Não foi uma zaragata, não lhe bateram, limitaram-se a empurrá-lo e a atirá-lo à água. Não terá sido o Ronaldo. Ouvi dizer que foram os amigos que estavam com ele, mas já ouvi várias versões…”.

Segundo a “Nova Gente”, o manequim prepara-se para intentar uma ação contra o jogador da seleção nacional.

 

Retirado de Noticias Sapo



publicado por olhar para o mundo às 18:50 | link do post | comentar

Sábado, 19.05.12

Cansado de comparações com o argentino, Cristiano Ronaldo afirmou à CNN não ter dúvidas de que é melhor futebolista do que o atual Bola de Ouro.

 

A humildade não é um dos maiores atributos do vaidoso Cristiano Ronaldo, que apesar de estar farto de comparações com a estrela do Barcelona não resistiu a declarar-se "melhor do Messi".

A confissão do craque português foi feita em entrevista ao 'World Sport' da CNN Internacional e citada, hoje, por toda a imprensa espanhola.

Apesar de estar convencido de que é melhor jogador do que argentino, Cristiano Ronaldo reconhece que esta batalha entre os dois "é motivadora para ambos", razão pela qual o nível da Liga espanhola é tão elevado e Real Madrid e Barcelona as melhores equipas do mundo.

Impossível comparar um Porsche e um Ferrari 

 

Talvez para travar apreciações futuras entre os dois, Cristiano Ronaldo acabou por reconhecer que "não gosta" que o comparem com alguém, "até porque não se pode comparar um Ferrari e um Porsche, que têm motores diferentes". 

"Ele faz as melhores coisas para o Barçelona e eu faço as melhores para o Real Madrid, e as pessoas olham para os números e dizem que são incríveis", referiu o capitão da seleção nacional de futebol.

Numa época em que Lionel Messi, com 50 golos na Liga, e Ronaldo, com 46, bateram os seus próprios recordes, o internacional português foi ainda perentório em relação à superioridade do Real Madrid sobre o adversário catalão. "Os números falam por si: nove pontos de diferença são muitos em Espanha", afirmou, também seguro de que José Mourinho "é o melhor do mundo naquilo que faz". 

 

 

Retirado do Expresso



publicado por olhar para o mundo às 10:53 | link do post | comentar

Segunda-feira, 14.05.12
Ronaldo marca mas não alcança Messi

Com o campeonato já resolvido, o Real Madrid entrou em campo neste domingo, frente ao Maiorca, com dois objectivos: obter uma vitória que possibilitasse à equipa atingir os 100 pontos na classificação (um feito inédito) e ajudar Cristiano Ronaldo a marcar golos, para alcançar (e se possível ultrapassar) Lionel Messi na tabela dos melhores marcadores.


O primeiro objectivo com atingido com sucesso. Os “merengues” venceram tranquilamente por 4-1, garantindo a 32.ª vitória (em 38 jornadas) no campeonato. A equipa de José Mourinho chegou aos 100 pontos e ultrapassou os 120 golos marcados. Números de outra galáxia.

Já o segundo objectivo ficou incompleto. Cristiano Ronaldo marcou o primeiro aos 19’, mas não voltaria a festejar um golo e ficou assim a quatro golos dos 50 de Messi, que se sagra “pichichi” da Liga espanhola.

Como consolo, o internacional português alcançou uma marca histórica: marcou aos 19 adversários que o Real Madrid defrontou na Liga espanhola. Foi a primeira vez que tal aconteceu num campeonato a 20 equipas em Espanha.

Karim Benzema (23’) e Mesut Özil (49’ e 58’) fizeram os restantes golos do Real Madrid frente ao Maiorca, que conseguiu minimizar os danos com um golo de Gonzalo Castro (52’).

Villarreal despromovido

O “submarino amarelo”, como é conhecido o Villarreal, foi ao fundo na derradeira jornada da Liga espanhola. A equipa que chegou a brilhar nas competições europeias – esteve nas meias-finais da Liga dos Campeões em 2005-06 e na mesma fase da Taça UEFA/Liga Europa em 2003-04 e 2010-11 (eliminada pelo FC Porto) – perdeu (0-1) em casa com o Atlético de Madrid e fará companhia a Racing de Santander e Sporting de Gijón.

Um golo de Falcao, aos 88’, traçou o destino do Villarreal, atirando-a para o segundo escalão do futebol espanhol. O Saragoça, que estava em lugar de descida no início da jornada, conseguiu salvar-se com uma vitória (2-0) no terreno do Getafe. Hélder Postiga fez o segundo golo da formação aragonesa.

Veja os golos do Real Madrid-Maiorca (vídeo: YouTube)
 

 

Retirado do Público

 



publicado por olhar para o mundo às 09:01 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25.04.12

Penáltis deixam Real Madrid fora da final da Champions

 

No desempate na marcação de grandes penalidades, a equipa de José Mourinho falhou três dos quatro remates. Cristiano Ronaldo foi um dos que falhou, abrindo as portas ao Bayern Munique.


O jogo começou da melhor maneira para o Real Madrid. Um penálti logo nos minutos iniciais convertido por Cristiano Ronaldo, dava vantagem aos “merengues” face ao resultado registado na primeira mão (vitória do Bayern por 2-1, valendo a favor do Real o golo marcado fora).

Pouco depois, o segundo golo de Cristiano Ronaldo parecia escancarar as portas da final à equipa de José Mourinho.

Só que uma falta cometida por Pepe sobre Mario Gómez na área do Real deu a oportunidade a Robben de colocar tudo igual entre as duas equipas. E o holandês não falhou.

No segundo tempo, o jogo foi mais dividido, com o Bayern a responder sempre com perigo à postura mais ofensiva do Real, mas o resultado não se alterou, levando a partida para prolongamento.

No tempo extra, nenhuma das equipas arriscou em demasia, tornando inevitável a decisão na marca das grandes penalidades.

Cristiano Ronaldo foi o primeiro a tentar a sua sorte para o Real, mas o português falhou. Algo que Kaká imitou. Só que Kroos e Lahm, para o Bayern também falharam, colocando tudo na mesma entre as duas equipas.

Seguiu-se Sérgio Ramos, que atirou por cima da barra, deixando a Schweinsteiger a responsabilidade de decidir. E o médio alemão não falhou.

O Bayern Munique jogará em casa a final da Liga dos Campeões frente ao Chelsea, que se disputa no dia 19 de Maio.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 23:10 | link do post | comentar

Domingo, 22.04.12

 

Há mais que futebol num Barcelona Real Madrid

 


Treinador conseguiu a primeira vitória em dez visitas a Camp Nou. Esta (1-2) bastou para estar a um passo do 32.º título do Real Madrid graças ao golo de Cristiano Ronaldo, que ofuscou Messi.


Pep Guardiola chegou ao Santiago Bernabéu a 2 de Maio de 2009 com quatro pontos de vantagem sobre o Real Madrid, a quatro jornadas do final da Liga espanhola. Tal e qual como agora. Na altura, admitiu que viajava ao estádio do grande rival para atacar o campeonato. Ganhou, goleou por 2-6 e saiu como grande vencedor. Nessa noite brilhou Messi (com dois golos) e o Barcelona regressou à Catalunha com o título praticamente na mão. Três anos depois, os papéis inverteram-se. O momento foi de Ronaldo e do Real.

José Mourinho pisou um relvado que lhe é maldito, ele que foi ali adjunto de Van Gaal nos primeiros passos da carreira. Mas os anos seguintes tornaram-no persona non grata em Camp Nou. Ontem, entrou em silêncio (um black out a que se auto-impôs achando-se perseguido pela impensa desde o dia 4 de Abril) e saiu calado, mas a celebrar por dentro com a vitória por 1-2. O Real bateu o seu próprio recorde de golos numa Liga (107 em 1989-90 com Toschak), leva agora 109, arrastado por esse monstro goleador que é Cristiano Ronaldo. O português atingiu os 42, um recorde na Liga espanhola, num território que estava vedado à festa blanca desde Dezembro de 2007. Mais: o avançado bateu a sua marca goleadora (54, contra os 53 de 2010-11) e está à beira de outro registo histórico - caso marque na última ronda ao Maiorca, alcançará o que nunca nenhum outro jogador alcançou, que é marcar a todos os adversários numa temporada. Ronaldo escolheu o palco do maior rival para atingir os 300 golos, menos de 10 anos depois do "bis" ao Moreirense (3-0), a 7 de Outubro de 2002, quando festejou os seus primeiros remates certeiros, estava ainda no Sporting.

O Real pode já celebrar o título de campeão na próxima semana, caso vença o Sevilha em casa e o Barcelona perca em Vallecas, com o Rayo. A quatro jornadas do fim e sete pontos de avanço (com 12 pontos em disputa), não há dúvidas sobre o êxito de Mourinho.

Guardiola desiste da Liga

A condição de líder dos madridistas mudou o habitual guião do clássico e o Barça saiu abatido e sem discussão na sua própria casa. Foi um triunfo indiscutível do Real, mais defensivo, que conseguiu neutralizar as ofensivas do rival. Os blancos foram a negação dos blaugrana: no primeiro golo Khedira aproveitou a desorientação da defesa para fazer o 0-1, na outra ocasião, Ronaldo desfez o 1-1, três minutos após o golo de Alexis, para mandar calar o Camp Nou, gelado com o golo do português. Cristano foi maior que Messi, e Ozil superior a Xavi ou Iniesta. 

Uma superioridade que se foi mostrando ao longo da Liga, mas que se engasgou nas últimas rondas. A diferença de 10 pontos que o Real tinha para o Barça foi-se esfumando para mirrar e ficar em apenas quatro. Uma vitória dos catalães, colocaria a luta pelo título ao rubro, com apenas um ponto de diferença. Mas Karanka disse que Mourinho pediu ataque durante o jogo. E foi isso que aconteceu. Guardiola desistiu de vez.

"Quero dar os parabéns ao Real Madrid pela vitória e pela Liga que vão ganhar", disse no final o técnico do Barcelona. Pep via uma série de 54 jogos sem perder no seu estádio interrompida. Foi a primeira vitória de Mourinho em dez visitas a Camp Nou, ele que se estreou com uma goleada por 5-0, sofrida numa das suas piores noites na carreira. Depois disso, tentou tudo. Jogou ultra-defensivo e voltou a perder, desta feita de forma "suja" como lhe chamou a imprensa. Parece, agora, ter encontrado o antídoto.

Não concedeu espaços ao adversário, sem hipóteses para as habituais transições rápidas. Só por uma vez, na primeira parte, conseguiu assustar Casillas, mas Xavi, com a baliza aberta, rematou ao lado. No segundo tempo, defendeu, Tello e Xavi estiveram perto, mas sem sucesso. Ao golo de Alexis, entrado um minuto antes, Ronaldo respondeu com outro. E aí tornou-se dono da noite. Ele e Mourinho, que saiu em silêncio.

Notícia substituída no dia 22 de Abril às 16h28


Veja o vídeo dos golos

 

Via Público




publicado por olhar para o mundo às 17:38 | link do post | comentar

Quinta-feira, 12.04.12

Real Madrid goleia e mantém Barcelona à distancia

José Mourinho tinha consciência da importância do “derby” contra o Atlético de Madrid: não falou à imprensa antes do jogo e não revelou a lista de jogadores convocados.


A equipa do argentino Diego Simeone estava apostada em surpreender e colocar um ponto final à série de 12 anos sem vitórias sobre o Real Madrid, em jogos oficiais.

O golo de Falcao, a fazer o 1-1 (55’) ajudou a esse objectivo. Mas houve demasiado Cristiano Ronaldo na partida, e os “colchoneros” não resistiram.

O guarda-redes Courtois tinha sido impotente para travar uma bomba de Cristiano Ronaldo, na marcação de um livre (25’) ainda na primeira parte. E também não conseguiu segurar o remate em arco com que o internacional português fez o 2-1 (68’).

O “hat-trick” ficou completo aos 83’, na marcação de uma grande penalidade a castigar falta sobre Higuaín.

Callejón fechou o resultado, marcando um golo três minutos depois de ter entrado em campo, a substituir Di María.

Com esta vitória o Real Madrid mantém os quatro pontos de vantagem sobre o Barcelona na classificação da Liga espanhola, quando faltam seis jornadas para o final da prova. E daqui a pouco mais de uma semana há um “clássico” em Camp Nou.

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 08:34 | link do post | comentar

Terça-feira, 13.03.12

Cristiano Ronaldo diz que Mourinho vai continuar em Madrid


Numa altura em que se multiplicam os rumores sobre uma eventual saída de José Mourinho do Real Madrid no final da época, Cristiano Ronaldo veio a público dizer que o treinador vai continuar.


“Mourinho vai continuar connosco”, garantiu Cristiano Ronaldo, na conferência de imprensa de antevisão do jogo de quarta-feira com o CSKA de Moscovo, da segunda mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões.

A resposta de Ronaldo surge no dia em que saíram notícias em Espanha, especulando sobre o facto de Rui Faria, adjunto de Mourinho, ter comprado um Ferrari e o ter matriculado em Londres, o que poderia ser um indício de um regresso do técnico a Inglaterra.

Sobre a sua continuidade em Madrid, Mourinho foi parco em palavras: "Se o meu futuro depende desta eliminatória? A resposta é não, só se o clube o fizer. Não faço depender as minhas decisões com ganhar ou perder um jogo”, afirmou.

Cristiano Ronaldo também disse estar feliz em Madrid. “Estou com os melhores e aprendo todos os dias", afirmou, citado pelo site do jornal “Marca”. "Só quero continuar neste clube. O mais importante é o Real Madrid como instituição."

Confrontando com as declarações de Silvio Berlusconi – o presidente do Milan disse que sonha ter Ronaldo no clube –, o português desvalorizou: “Os meus sonhos não estão no futebol. Se Berlusconi teve esse sonho, só lhe posso dizer que estou muito bem aqui. A Liga italiana não é a que mais gosto, mas respeito-a muito e as suas equipas são difíceis”, disse citado pelo site do jornal “Ás”.

Na conversa com os jornalistas, o internacional português foi ainda questionado sobre o feito de Lionel Messi, autor de cinco golos frente ao Bayern Leverkusen.

“Fico contente por ele e pelo futebol. Não sei se algum dia serei capaz de marcar cinco golos. Espero que sim”, respondeu Ronaldo.

Duelo com Benfica? “Seria bom”

Numa conferência de imprensa em que elogiou o CSKA e não deu a passagem do Real aos quartos-de-final como garantida (após o 1-1 em Moscovo), Cristiano Ronaldo falou ainda de um possível embate com o Benfica na próxima fase.

“Seria bom, é verdade que sim. Mas primeiro quero passar amanhã. O 1-1 é um resultado perigoso, mas confio que faremos um bom jogo e passaremos. E depois logo veremos o que dita o sorteio”, disse o português.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 21:23 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Domingo, 26.02.12
Calcanhar de Ronaldo mantém Real Madrid tranquilo

José Mourinho não estava preocupado com as reduzidas dimensões do campo de Vallecas, mas sim com a sua equipa. E a verdade é que o Real Madrid teve grandes dificuldades para ultrapassar o Rayo Vallecano neste domingo, em jogo a contar para a jornada 25 da liga espanhola.

Só um golo de calcalnhar de Cristiano Ronaldo desbloqueou o nulo e deu o triunfo por 1-0 aos "merengues", que irão manter uma confortável vantagem na liderança sobre o Barcelona, que defronta neste domingo o Atlético Madrid.

Cristiano Ronaldo e Pepe, que fez 29 anos e cumpriu o seu 100.º jogo na liga pelo Real - Coentrão entrou na segunda parte - foram titulares num jogo em que o Rayo Vallecano, equipa de um bairro de Madrid, foi um adversário muito complicado para os homens de José Mourinho. E até teve razões de queixa da arbitragem. Aos 20', Sérgio Ramos deu uma cotovelada a Diego (ex-Sp. Braga) dentro da área "merengue". Ficou um penálti por assinalar e Ramos devia ter sido expulso.

O momento que decidiu o jogo aconteceu já na segunda parte aos 53'. Depois de um canto, jogada confusa na área do Rayo, a bola vai ter a Cristiano Ronaldo, que, fora da pequena área e com um calcalhar, faz o único golo da partida, naquele que foi o seu 29 golo na liga nesta temporada. Foi ainda o seu segundo golo de calcanhar na temporada, ele que já havia feito o mesmo contra o Málaga.

O calcanhar de Ronaldo

 

Vía Público



publicado por olhar para o mundo às 21:14 | link do post | comentar

Segunda-feira, 07.11.11

Alex Ferguson vai comemorar 25 anos desde que entrou para o comando técnico do Manchester United. Reveja os melhores momentos, que também contam com protagonistas portugueses.

 


Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 17:33 | link do post | comentar

Terça-feira, 01.11.11

Ronaldo, Nani, Mourinho e Villas-Boas candidatos a melhores do ano

 

Os portugueses Cristiano Ronaldo e Nani integram a lista dos 23 candidatos a receber a Bola de Ouro 2011, que distinguirá o melhor futebolista do ano.


José Mourinho e André Villas-Boas, por sua vez, também integram a lista dos dez candidatos a melhor treinador de 2011, um prémio que no ano passado foi ganho pelo técnico do Real Madrid.

As listas dos finalistas à Bola de Ouro foram anunciadas nesta terça-feira pela FIFA e pela revista France Football, que no ano passado fundiram os respectivos prémios que distinguiam os melhores do ano.

Cristiano Ronaldo e Mourinho já são nomes habituais nestas listas, mas o mesmo não se pode dizer de Nani e André Villas-Boas.

O jogador do Manchester United é premiado pela boa temporada ao serviço do clube inglês, no qual ajudou à conquista da Premier League e à chegada à final da Liga dos Campeões.

Já Villas-Boas integra o lote de finalistas, graças à época vitoriosa no FC Porto, em que conquistou quatro títulos: campeonato, Taça e Supertaça em Portugal, além da Liga Europa.

Na lista de candidatos à Bola de Ouro, para a qual Messi parte novamente como favorito, estão presentes oito jogadores do Barcelona e cinco do Real Madrid, além da estreia do brasileiro Neymar.

Já nos treinadores, em que Guardiola será desta vez o principal candidato, registo para a presença habitual de nomes como os de Alex Ferguson, Vicente del Bosque e Joachim Low, mas também para alguns técnicos em ascensão.

Além de Villas-Boas, estão nomeados Rudi Garcia, que conduziu o Lille ao título francês, e Jürgen Klopp, que foi campeão alemão pelo Borussia Dortmund.

As listas dos finalistas foram elaboradas por especialistas da FIFA e da France Football.

Já os vencedores serão apurados com os votos dos treinadores e capitães das selecções nacionais, bem como de um painel de jornalistas.

A 5 de Dezembro, serão conhecidos os três finalistas e a 9 de Janeiro serão anunciados os vencedores, na gala anual da FIFA/France Football.


Candidatos à Bola de Ouro

Éric Abidal (França/Barcelona)
Sergio Agüero (Argentina/Atlético Madrid-Man. City)
Karim Benzema (França/Real Madrid)
Iker Casillas (Espanha/Real Madrid) 
Cristiano Ronaldo (Portugal/Real Madrid)
Dani Alves (Brasil/Barcelona)
Samuel Eto’o (Camarões/Inter-Anzhi)
Cesc Fàbregas (Espanha/Arsenal-Barcelona)
Diego Forlán (Uruguai/Atlético de Madrid-Inter)
Andrés Iniesta (Espanha/Barcelona)
Lionel Messi (Argentina/Barcelona)
Thomas Müller (Alemanha/Bayern Munique) 
Nani (Portugal/Manchester United)
Neymar (Brasil/Santos)
Mesut Özil (Alemanha/Real Madrid)
Gerard Piqué (Espanha/Barcelona)
Wayne Rooney (Inglaterra/Manchester United)
Bastian Schweinsteiger (Alemanha/Bayern Munique)
Wesley Sneijder (Holanda/Inter)
Luis Suárez (Uruguai/Liverpool)
David Villa (Espanha/Barcelona)
Xabi Alonso (Espanha/Real Madrid)
Xavi (Espanha/Barcelona)

Candidatos a melhor treinador do ano

Vicente Del Bosque (Espanha/seleccionador)
Alex Ferguson (Escócia/Manchester United)
Rudi Garcia (França/Lille)
Pep Guardiola (Espanha/ Barcelona)
Jürgen Klopp (Alemanha/Borussia Dortmund
Joachim Löw (Alemanha/seleccionador)
José Mourinho (Portugal/Real Madrid )
Óscar Tabárez (Uruguai/seleccionador)
André Villas-Boas (Portugal/FC Porto-Chelsea) 
Arsène Wenger (França/Arsenal)



publicado por olhar para o mundo às 18:18 | link do post | comentar

Quinta-feira, 15.09.11

Cristiano Ronaldo: “Assobiam-me porque sou bonito, rico e um grande futebolista. Não tenho outra explicação

 

Cristiano Ronaldo criticou duramente a arbitragem do Dinamo Zagreb-Real Madrid e comentou os apupos dos adeptos do adversário. “Será porque sou bonito, rico e um grande futebolista. É por terem inveja de mim. Não tenho outra explicação”, disse o português.

O avançado do Real Madrid, alvo preferido do público adversário quando a equipa joga fora do Santiago Bernabéu, ficou insatisfeito com uma entrada dura de Jerko Leko, que obrigou o português a ser suturado com três pontos no tornozelo direito. “Não entendo. Fala-se de protecção aos bons jogadores, mas eu não tenho nenhuma. Espero que este árbitro não nos volte a apitar, porque é uma vergonha”, disse no final do encontro de quarta-feira, referindo-se ao norueguês Oddvar Moen.

O Real Madrid saiu vitorioso da Croácia (0-1, golo de Dí Maria), mas nem isso acalmou o jogador madeirense, que considerou que tem um tratamento diferente em relação a outros jogadores. “A verdade é que não entendo nada. As arbitragens, o “fair play” de que tanto fala a UEFA, a protecção dos jogadores mais técnicos... Fico triste porque os árbitros dizem que vão proteger os jogadores mais técnicos. A uns não se lhes pode nem tocar, mas a mim podem dar patadas”.

As duras críticas à arbitragem neste discurso a quente de Ronaldo poderão ser analisadas pela UEFA, que em ocasiões anteriores, mas especialmente quando se trata de treinadores, sancionou a pessoa em causa. 

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 21:39 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Cristiano Ronaldo é o non...

Euro 2012, Cristiano Rona...

Cavaco pede energia, Rona...

Ao cuidado do Cristiano R...

Ronaldo e os sarilhos de ...

Ronaldo diz que é melhor ...

Ronaldo marca mas não alc...

O futebol é isto, Real M...

Há mais que futebol num B...

Real Madrid goleia e mant...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags



comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links


blogs SAPO
subscrever feeds