Domingo, 10.06.12

Messi marca três ao Brasil de Hulk


A Argentina venceu neste sábado a selecção olímpica do Brasil, por 4-3.


O brasileiro Hulk, avançado do FC Porto, marcou um golo, mas foi ofuscado pela classe de Lionel Messi.

O avançado do Barcelona marcou por três vezes (31, 34, 84), num jogo em que a Argentina começou a perder, após o golo de Rómulo (23).

Depois de Messi ter dado a volta ao resultado, foi a vez de o Brasil protagonizar uma reviravolta, com golos de Óscar (56) e Hulk (72).

Só que Fernandez (75) e Messi deram um triunfo saboroso aos argentinos e uma derrota aos brasileiros, que cada vez mais criticam o seleccionador Mano Menezes.

Veja os golos

 

Noticia do Público



publicado por olhar para o mundo às 23:23 | link do post | comentar

Sábado, 19.05.12

Cansado de comparações com o argentino, Cristiano Ronaldo afirmou à CNN não ter dúvidas de que é melhor futebolista do que o atual Bola de Ouro.

 

A humildade não é um dos maiores atributos do vaidoso Cristiano Ronaldo, que apesar de estar farto de comparações com a estrela do Barcelona não resistiu a declarar-se "melhor do Messi".

A confissão do craque português foi feita em entrevista ao 'World Sport' da CNN Internacional e citada, hoje, por toda a imprensa espanhola.

Apesar de estar convencido de que é melhor jogador do que argentino, Cristiano Ronaldo reconhece que esta batalha entre os dois "é motivadora para ambos", razão pela qual o nível da Liga espanhola é tão elevado e Real Madrid e Barcelona as melhores equipas do mundo.

Impossível comparar um Porsche e um Ferrari 

 

Talvez para travar apreciações futuras entre os dois, Cristiano Ronaldo acabou por reconhecer que "não gosta" que o comparem com alguém, "até porque não se pode comparar um Ferrari e um Porsche, que têm motores diferentes". 

"Ele faz as melhores coisas para o Barçelona e eu faço as melhores para o Real Madrid, e as pessoas olham para os números e dizem que são incríveis", referiu o capitão da seleção nacional de futebol.

Numa época em que Lionel Messi, com 50 golos na Liga, e Ronaldo, com 46, bateram os seus próprios recordes, o internacional português foi ainda perentório em relação à superioridade do Real Madrid sobre o adversário catalão. "Os números falam por si: nove pontos de diferença são muitos em Espanha", afirmou, também seguro de que José Mourinho "é o melhor do mundo naquilo que faz". 

 

 

Retirado do Expresso



publicado por olhar para o mundo às 10:53 | link do post | comentar

Segunda-feira, 07.05.12

Os golos do Messi e as lágrimas de Guardiola


Argentino apontou os quatro golos da vitória do Barça sobre o Espanyol. Ronaldo marcou apenas um no triunfo ante o Granada.


Pep Guardiola fez as suas despedidas de Camp Nou como técnico do Barcelona com um triunfo por 4-0 sobre o rival Espanyol. No final, foi ao meio do relvado agradecer o carinho dos adeptos e, de microfone, despediu-se. E chorou.

Antes, Messi fez o que melhor sabe: marcar golos. 

O argentino marcou os quatro golos do triunfo do Barça, adiantando-se de forma quase decisiva na luta pelo troféu de melhor marcador. 

Messi soma gora 50, contra 45 de Cristiano Ronaldo, que marcou apenas um no triunfo por 2-1 do Real Madrid 
sobre o Granada.

Granada-Real Madrid, 1-2


Barcelona-Espanyol, 4-0

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 13:49 | link do post | comentar

Domingo, 22.04.12

 

Há mais que futebol num Barcelona Real Madrid

 


Treinador conseguiu a primeira vitória em dez visitas a Camp Nou. Esta (1-2) bastou para estar a um passo do 32.º título do Real Madrid graças ao golo de Cristiano Ronaldo, que ofuscou Messi.


Pep Guardiola chegou ao Santiago Bernabéu a 2 de Maio de 2009 com quatro pontos de vantagem sobre o Real Madrid, a quatro jornadas do final da Liga espanhola. Tal e qual como agora. Na altura, admitiu que viajava ao estádio do grande rival para atacar o campeonato. Ganhou, goleou por 2-6 e saiu como grande vencedor. Nessa noite brilhou Messi (com dois golos) e o Barcelona regressou à Catalunha com o título praticamente na mão. Três anos depois, os papéis inverteram-se. O momento foi de Ronaldo e do Real.

José Mourinho pisou um relvado que lhe é maldito, ele que foi ali adjunto de Van Gaal nos primeiros passos da carreira. Mas os anos seguintes tornaram-no persona non grata em Camp Nou. Ontem, entrou em silêncio (um black out a que se auto-impôs achando-se perseguido pela impensa desde o dia 4 de Abril) e saiu calado, mas a celebrar por dentro com a vitória por 1-2. O Real bateu o seu próprio recorde de golos numa Liga (107 em 1989-90 com Toschak), leva agora 109, arrastado por esse monstro goleador que é Cristiano Ronaldo. O português atingiu os 42, um recorde na Liga espanhola, num território que estava vedado à festa blanca desde Dezembro de 2007. Mais: o avançado bateu a sua marca goleadora (54, contra os 53 de 2010-11) e está à beira de outro registo histórico - caso marque na última ronda ao Maiorca, alcançará o que nunca nenhum outro jogador alcançou, que é marcar a todos os adversários numa temporada. Ronaldo escolheu o palco do maior rival para atingir os 300 golos, menos de 10 anos depois do "bis" ao Moreirense (3-0), a 7 de Outubro de 2002, quando festejou os seus primeiros remates certeiros, estava ainda no Sporting.

O Real pode já celebrar o título de campeão na próxima semana, caso vença o Sevilha em casa e o Barcelona perca em Vallecas, com o Rayo. A quatro jornadas do fim e sete pontos de avanço (com 12 pontos em disputa), não há dúvidas sobre o êxito de Mourinho.

Guardiola desiste da Liga

A condição de líder dos madridistas mudou o habitual guião do clássico e o Barça saiu abatido e sem discussão na sua própria casa. Foi um triunfo indiscutível do Real, mais defensivo, que conseguiu neutralizar as ofensivas do rival. Os blancos foram a negação dos blaugrana: no primeiro golo Khedira aproveitou a desorientação da defesa para fazer o 0-1, na outra ocasião, Ronaldo desfez o 1-1, três minutos após o golo de Alexis, para mandar calar o Camp Nou, gelado com o golo do português. Cristano foi maior que Messi, e Ozil superior a Xavi ou Iniesta. 

Uma superioridade que se foi mostrando ao longo da Liga, mas que se engasgou nas últimas rondas. A diferença de 10 pontos que o Real tinha para o Barça foi-se esfumando para mirrar e ficar em apenas quatro. Uma vitória dos catalães, colocaria a luta pelo título ao rubro, com apenas um ponto de diferença. Mas Karanka disse que Mourinho pediu ataque durante o jogo. E foi isso que aconteceu. Guardiola desistiu de vez.

"Quero dar os parabéns ao Real Madrid pela vitória e pela Liga que vão ganhar", disse no final o técnico do Barcelona. Pep via uma série de 54 jogos sem perder no seu estádio interrompida. Foi a primeira vitória de Mourinho em dez visitas a Camp Nou, ele que se estreou com uma goleada por 5-0, sofrida numa das suas piores noites na carreira. Depois disso, tentou tudo. Jogou ultra-defensivo e voltou a perder, desta feita de forma "suja" como lhe chamou a imprensa. Parece, agora, ter encontrado o antídoto.

Não concedeu espaços ao adversário, sem hipóteses para as habituais transições rápidas. Só por uma vez, na primeira parte, conseguiu assustar Casillas, mas Xavi, com a baliza aberta, rematou ao lado. No segundo tempo, defendeu, Tello e Xavi estiveram perto, mas sem sucesso. Ao golo de Alexis, entrado um minuto antes, Ronaldo respondeu com outro. E aí tornou-se dono da noite. Ele e Mourinho, que saiu em silêncio.

Notícia substituída no dia 22 de Abril às 16h28


Veja o vídeo dos golos

 

Via Público




publicado por olhar para o mundo às 17:38 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22.03.12

Vídeo: todos os 234 golos de Messi na liga Espanhola


Começou com o Albacete em 2005. Mas foi o A. Madrid a sua vítima preferida, o rival Real Madrid é o terceiro mais fustigado. São 14 minutos de puro Messi.


Entre 2005 e 2012, Lionel Messi marcou 234 golos, tornando-se o melhor marcador da história do Barcelona. Ultrapassou a marca de César, de 232 golos, há uns anos um recorde impensável de ser batido. 

Com a goleada na noite de terça-feira sobre o Granada (5-3), com três golos do argentino, Messi bateu mais um recorde.

Siga todos os seus golos num vídeo de 14 minutos. É um deleite para quem gosta de fintas, dribles, rapidez e controlo de bola. E, claro, golos. Muitos.


Veja TODOS os golos de Messi no Bareclona

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 09:08 | link do post | comentar

Sexta-feira, 16.03.12

Messi a Guarda Redes 

 

E quando pensamos que Lionel Messi já não nos consegue surpreender, eis que o prodígio argentino saca um truque novo da manga. Ele faz coisas inacreditáveis com a bola, semeia o pânico nos adversários e é capaz de marcar cinco golos num jogo da Liga dos Campeões. Mas também é um ás à baliza, como se vê na foto que Puyol, companheiro de equipa no Barcelona, colocou na rede social Twitter. Em pleno voo, Messi evita um golo. Quem diria? Foto: DR

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 09:18 | link do post | comentar

Quinta-feira, 08.03.12

Messi marcou 5 na liga dos campeões


O que é que ainda falta escrever sobre Lionel Messi? O jogador argentino nunca pára de surpreender e esta noite, em Camp Nou, destroçou o quinto classificado do campeonato alemão. Na segunda mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, Messi marcou cinco golos na histórica goleada do Barcelona por 7-1 sobre o Bayer Leverkusen e acrescentou mais algumas proezas a um currículo que é, cada vez mais, ímpar.


Até hoje nenhum jogador tinha marcado cinco golos num jogo da mais importante prova de clubes na Europa desde que a UEFA, em 1992, alterou o formato da prova. Messi, que nunca tinha conseguido uma “manita” na sua carreira, fê-lo numa partida que vai ficar também para a história do Bayer Leverkusen: os alemães nunca tinham sofrido uma derrota tão pesada nas competições europeias.

Com estes cinco golos, marcados aos 25’, 42’, 49’, 58’ e 84’, Messi atinge os 49 na Liga dos Campeões, ultrapassa Eusébio na lista dos melhores marcadores de sempre da competição e é agora o 6.º melhor nesse ranking, lugar que partilha com Alfredo Di Stéfano, outra lenda do futebol mundial.

Mas as proezas de Messi não se ficam por aqui. Esta época o argentino marcou 12 golos nos sete jogos que disputou na Liga dos Campeões, e igualou o recorde alcançado numa só edição. Quem o detinha? Messi, claro. Para mais tarde fica outro feito: faltam sete golos para superar César como o melhor marcador de sempre do Barcelona.

APOEL faz história

Os cinco golos de Messi relegaram para segundo plano a (fácil) qualificação dos catalães (total de 10-2 na eliminatória), os dois golos do jovem Cristian Tello em Camp Nou e a surpreendente qualificação do APOEL para os quartos-de-final.

Os cipriotas, que afastaram o FC Porto na fase de grupos, já tinham feito história ao atingirem os oitavos-de-final, algo nunca conseguido por um clube de Chipre, mas agora foram ainda mais longe. Após a derrota por 1-0 em Lyon, o APOEL igualou a eliminatória logo aos nove minutos, com um golo do ex-benfiquista Manduca, e depois assistiu-se no Estádio GSP, em Nicósia, a uma partida intensa, onde franceses e cipriotas nunca abdicaram de procurar o golo.

Apesar da boa qualidade do encontro, a vantagem mínima do APOEL manteve-se até ao final dos 90 minutos e o jogo seguiu para prolongamento, onde ambas as equipas voltaram a estar perto do golo. O nulo, no entanto, perdurou e a histórica qualificação do APOEL acabou por ser conseguida no desempate por marcação de grandes penalidades, com Lacazette e Michel Bastos a falharem para o Lyon. Mérito, também, do guarda-redes Chiotis. 

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 09:04 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Messi marca três ao Brasi...

Ronaldo diz que é melhor ...

Os golos do Messi e as lá...

Há mais que futebol num B...

Vídeo: todos os 234 golos...

Messi até a guarda redes ...

Messi, acho que já não re...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags



comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
links


blogs SAPO
subscrever feeds