Quinta-feira, 17.05.12
Confira sete regras para o sexo casual mais seguro
Ir para a cama com alguém que você não conhece, não sabe o que pensa ou como se comporta envolve coragem e discernimento
Mesmo com toda a liberdade sexual conquistada pela mulher moderna, a ala feminina ainda treme quando o assunto é o sexo casual, daqueles sem compromisso. Ir para a cama com alguém que você não conhece, não sabe o que pensa ou como se comporta envolve coragem e discernimento. Coragem, sobretudo, para se colocar em uma situação até mesmo de risco. "Analise bem se vale a pena e busque discernimento para tentar, naquele pouco tempo do encontro, estudar sua paquera atentamente buscando elementos que possam deixá-la mais à vontade com o que deseja fazer", explica a sexóloga Regina Racco. 

"Para sentir-se mais segura, tenha uma amiga ou amigos por perto e apresente-o para eles. Dessa forma, o cara saberá que outras pessoas estão em sua companhia e isso garante certa proteção", recomenda a sexóloga. Segundo Regina Racco, a mulher tem tanto direito quanto o homem de desejar um encontro leve, gostoso e sem compromisso algum, mas deve tomar cuidado para extrair desse encontro apenas prazer. 

Se você pretende apostar no sexo sem compromisso, confira algumas regras básicas elaboradas pela sexóloga Regina Racco para tornar mais segura a prática desse tipo de relação. 

Abordagem 

Partindo do ponto de que vocês já foram apresentados e estão conversando, a abordagem vai ocorrer naturalmente Basta perceber como ele se comporta em relação a você. Se há interesse por parte dele. Dê alguns empurrãozinhos no papo (demonstrando interesse) e certamente ele fará o convite. 

Casa ou motel? 

Sem dúvida o motel é a opção mais segura. Lembre-se que você não o conhece o suficiente para colocá-lo dentro de sua casa. Esse local deve ficar reservado para o caso de rolarem novos encontros, para quando vocês tiverem mais intimidade e confiança. 

Dormir juntinho ou dar o fora? 

Essa é sua opção. Gostou? Está confortável na situação? Fique! Não foi legal? Pegue seu saltinho e saia discretamente. Se preferir, e para não ficar indelicado, pode deixar um bilhete do tipo 'precisei sair, falamos depois', e deixe o telefone. Se ele ligar pedindo explicações, seja sincera. Se não ligar, caso encerrado. 

Não revele detalhes da sua vida 

Se a conversa for rolando depois da transa, não revele detalhes íntimos de sua vida. Fale apenas de fatos superficiais para alimentar o papo e tente fazê-lo falar escutando com atenção. Quem sabe esse primeiro momento pode se tornar algo mais sério? Mas não coloque expectativa: apenas deixe acontecer naturalmente, preservando-se, claro. Não se esqueça disso: o sexo pode ter sido bom, mas vocês dois continuam estranhos. 

Vale tudo ou há limites? 

No sexo casual valem os seus limites. Afinal, você desejou essa experiência, portanto, mantenha as rédeas e somente permita o que lhe traga prazer e não tenha medo de dizer não ou encerrar o encontro na hora que desejar. 

O dia seguinte 

A eterna dúvida depois de uma noite de sexo casual é: ligo para ele ou não? Se gostou e foi agradável para os dois, não tem nada demais ligar, afinal, ambos sabem que quiseram o encontro. E, embora fazendo todo o charminho que toda mulher faz, você sabe que conduziu a situação, portanto, pode ligar, se é isso que deseja. 

Riscos de uma paixão 

Você pode estar encantada e os riscos são inevitáveis. Você ligará para ele e ele poderá não ligar de volta. Paciência! Não esqueça que aquele momento, para ambos, não passou de sexo casual e casual não é compromisso. Mas, quem sabe ele também não se encante e vocês possam continuar seguindo para algo mais sério? Viver envolve riscos e com o sexo acontece a mesma coisa.
Retirado de Bonde


publicado por olhar para o mundo às 21:06 | link do post | comentar

Quinta-feira, 08.12.11
Sexo casual, saiba o que eles pensam do assunto
Saiba o que os homens pensam sobre as mulheres e o sexo casual

 

Uma em cada nove brasileiras com mais de 15 anos assume ter relações sexuais esporádicas. É o que mostra uma pesquisa realizada no ano passado pela Fundação Perseu Abramo.

Diferentemente dos homens, que convivem com essa movimentação na cama desde sempre, para as mulheres, tamanha rotatividade ainda é uma novidade. Quer saber o que eles pensam das mulheres que encaram o sexo sem compromisso numa boa? Veja alguns depoimentos:

"Mulheres que separam sexo e amor são bem resolvidas. Mas é importante tomar cuidado para não sair com todos os homens do círculo de amizades. Se transar com um amigo meu, será excluída da lista de candidatas a relacionamento sério."
Carlos Alberto Ferreira Junior, 26 anos, analista de sistemas, de São Paulo

"Mulheres que fazem sexo casual são independentes e estão em busca do prazer. Encaro isso como um processo da luta por direitos iguais."
Júlio César Salles, 20 anos, publicitário, de Vitória

"Acho melhor transar com uma amiga do que com uma desconhecida. No outro dia, ela não lhe cobra porque demorou pra ligar. Viva o século 21."
Carlos Eduardo Chaves, 27 anos, bancário, de São Paulo

"Homens sempre praticaram. É justo que as mulheres possam curtir da mesma forma."
Vitor Suman, 27 anos, músico, de São Paulo

"Não vejo diferença entre homens e mulheres quando o assunto é sexo casual. Ambos estão em busca de prazer.
Leonardo Marchini, 24 anos, químico, de São Paulo

 

Via M de Mulher



publicado por olhar para o mundo às 21:46 | link do post | comentar

Domingo, 13.11.11

 

Hoje em dia as mulheres estão se tornando cada vez mais independentes. Podemos ver isso no mercado de trabalho, na formação de uma família, já que existem mulheres que fazem o papel de pai e mãe em muitas casas e nós conseguimos essa liberdade até na hora do sexo. O que era restrito para os homens antigamente, ter diversas parceiras sem ser visto  pela sociedade com olhos de condenação , hoje a mulher também está conseguindo alcançar esse direito.

 

O sexo casual é ótimo para quem procure liberdade e sexo sem nenhum comprometimento. Porém como ainda existem muitas pessoas com preconceito sobre isso muitas mulheres ainda ficam receosas de transar só por transar.

 

Para que você consiga ter uma vida sexual legal e sem comprometimentos e não se envolver sem querer, veja algumas dicas:

· Ser transparente. Os dois têm de entrar na relação sabendo que ela é apenas sexual.

 

· Expectativa zero. É importante não ficar fantasiando que a relação vá virar um caso sério.

 

· Se complicou, fale. Quando uma das partes começa a se envolver, é hora de ter uma conversinha.

 

· Sem joguinhos. Com sexo casual não tem essa de se fazer de difícil. Se um dos dois não está a fim no dia, fica para outra vez.

 

· Ninguém é de ninguém. Não é porque vocês se encontram casualmente em algum evento que precisam ficar. Tanto você como ele podem estar de olho em outra pessoa naquele dia.

 

· Diga adeus. Quando não estiver mais a fim, é só dizer: “Não quero mais”. E avisar outra vez se voltar a querer.

 

Via FatiouPassou



publicado por olhar para o mundo às 19:50 | link do post | comentar

Domingo, 28.08.11
Ter um PA ou amigo colorido é uma boa ideia

 

Amigo colorido ou P.A. Não importa como você se refere a ele, mas a verdade é que se algumas mulheres ainda acham estranho você ter alguém - um amigo ou quase isso - que você transa, muitas outras solteiras tem o seu e acham a melhor opção para os momentos de carência.

 

O Vila Dois conversou com algumas mulheres e reuniu algumas opiniões para escrever essa matéria.

A nossa conclusão? Não faltam vantagens: é bom ter alguém que você pode se divertir sem se preocupar, o seu amigo é alguém que você conhece e confia (muito melhor do que arrumar alguém na balada ou recorrer a um ex que faz você sofrer...), com ele não precisa de joguinho ou cerimônia, não precisa estar sempre disponível, você fica livre de crises de ciúmes e por aí vai.

 

Mas e as desvantagens? Elas podem nem aparecer, mas se aparecerem são bem definitivas e podem acabar com a amizade e o sexo. É que elas só dão as caras se você se apaixonar ou então se enganar e achar que o P.A pode virar namorado.

Homens sabem muito melhor do que as mulheres separar esse tipo de coisa, então se você pretende ter um saiba que esse é o tipo de coisa que não muda. Amigo colorido é amigo colorido - nada de depositar esperanças ou se chatear se ele resolver engatar um namoro sério. Começou a ficar um pouquinho mais difícil, né?

 

E você, tem ou já teve um P.A? Conte pra gente!

 

Via Vila Dois



publicado por olhar para o mundo às 21:26 | link do post | comentar

Terça-feira, 16.08.11
Sexo casual com ou sem arrependimento

 


Uma noite e nada mais. Para algumas mulheres esta condição é ótima.

 Não há cobranças no dia seguinte e nem neuras sobre a possibilidade - ou não - de o cara ligar para você. Mas mesmo sabendo dessas vantagens, será que não bate um arrependimento depois?

 

De acordo com uma pesquisa realizada pelo site americano TresSugar, esse sentimento pode bater sim! A enquete feita com 2.000 mulheres com idades entre 18 e 63 anos revelou que das entrevistadas que já praticaram sexo casual (83%), 68% disseram que se sentiram muito bem depois da transa sem envolvimento emocional, enquanto 38% sentiram um certo desconforto depois do ato.

 

Somente 19% das mulheres disseram que se arrependeram de terem ido para a cama com um desconhecido. E as brasileiras? Será que pensam da mesma forma? "Tudo muda quando é a mulher é quem quer. Se elas não pretendem ficar com o cara, obviamente não se arrependem. Mas se querem mais envolvimento, geralmente não ficam bem depois", comenta Márcia, de 33 anos.

 

Bárbara, de 30 anos, acabou fazendo sexo casual meio "sem querer". "Conheci um cara numa balada e fiquei encantada. "Saímos dois dias seguidos e ele me tratou como rainha. Ele queria ir para a cama, mas como eu achava que era cedo demais, não cedi", conta. "Só que aí ele sumiu. E já que queria muito continuar, corri atrás dele e não deu outra: fomos para o motel. Era o que ele queria, mas eu esperava algo mais depois. Apesar de tudo não me arrependi, pois foi muito bom", contou.

 

Analisando a pesquisa, a urologista e terapeuta de família, casal e sexual, Sylvia Faria Marzano, acha que o número de mulheres solteiras adeptas ao sexo casual é bem grande. "Está ocorrendo um vazio nas vidas dessas pessoas, pois elas procuram e não encontram o que desejam. Falta sentimento, envolvimento, e se isso ocorre, a proposta de casual desaparece", acredita.

 

Para a especialista, se o sexo foi bom, não há motivos para a mulher se arrepender. Ainda mais quando o ato foi praticado com intuito de vingança por conta de uma traição. "Não quero dizer se isso é certo ou errado, pois quem faz não está trabalhando as suas dificuldades e acaba de submetendo a outro tipo de sofrimento", ressalta.

 

Já o arrependimento se deve a vários motivos: "Ele bate quando a mulher chega em casa, olha para os filhos, sente que mentiu e não fica bem; ou quando começa a se ligar a esse homem, comparando-o ao seu parceiro ou ainda quando descobre que foi usada - afinal de contas, ela quer usar mas não ser usada."

 

Dra. Sylvia não chama o sexo casual de tendência, mas sim de uma busca desenfreada por ser feliz. É como se somente o sexo fosse o bastante para satisfazer algumas mulheres. E ela afirma que não são somente as solteiras que se colocam como praticantes do sexo casual.

 


"Há mulheres comprometidas que estão se prestando a ter parceiros casuais para ter sexo de melhor qualidade, ou por vingança por traições ou até por curiosidade, só que precisam antes analisar seus próprios valores e se saberão suportar o dia seguinte", afirma. "Essas experiências elas não contam nem para a melhor amiga, pois a satisfação, mesmo que esse sexo não tenha sido dos melhores, é interna".

 

Via Vila Dois



publicado por olhar para o mundo às 21:10 | link do post | comentar

Sexta-feira, 08.07.11
As Regras do Jogo - Sexo Casual
Já se foi o tempo em que só homens eram adeptos do sexo casual. Hoje as mulheres estão mais independentes, e isso vale para o sexo também. Para elas, o sexo não está mais necessariamente associado com uma relação amorosa estabelecida ou com amor. Elas estão se livrando dos padrões a que foram condicionadas de que mulher não gosta de sexo.
No sexo casual, em geral, são duas pessoas que se conhecem naquele momento e que pretendem se conhecer não mais que por algumas horas.
Mais quais são as regras de etiqueta para o sexo casual? Afinal são dois estranhos envolvidos, e temos que pensar na segurança e na boa convivência.

Algumas regrinhas:

1 - Tenha sempre camisinha, afinal muitos homens não levam e neste tipo de sexo, a camisinha é fundamental.
2 - Escolha o motel. Afinal levar para casa um desconhecido ou ir para a casa de um desconhecido é perigoso. Além disso, no motel você pode pedir ajuda em caso de algum imprevisto.
3 - Se ele pedir o número de telefone, só dê o celular. E não espere que ele ligue. Se você tiver o dele e tiver vontade de ligar, vá em frente. Liga quem tiver vontade.
4 - Se os dois não são desconhecidos, como por exemplo, amigos de todas as horas com quem se vai à cama às vezes, o importante é que montem seu código de ética para o bom funcionamento das transas eventuais. Valem senhas como “tomar um chope” .

As vantagens do sexo casual:


1 - Sexo sem preocupações(culpa), o que importa é o tesão do momento.
2 - Possibilidade de conhecer uma variedade de tipos físicos, fantasias, manias, expandindo suas próprias fronteiras sexuais.
3 - O objetivo é o prazer e então é um quase vale-tudo, onde pode-se tentar posições inéditas, e outras coisas.

 

As desvantagens:


1 -
 Se você quer romance, esqueça!
2 - Como um jogo, você tem que entrar nele sem querer se apaixonar. Mas as paixões são inevitáveis.
3 - O prazo de validade é restrito ao momento. Então nada de cobranças do tipo : “quando vamos nos ver de novo”? ou “você vai me ligar?”

 

Via Revista Criativa



publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Sete regras para o sexo c...

Sexo casual, saiba o que ...

Como encarar o sexo casua...

Amigos coloridos são uma ...

Sexo casual: com ou sem a...

As Regras do Jogo - Sexo ...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags



comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
links


blogs SAPO
subscrever feeds