Sexta-feira, 27.04.12

Os melhores momentos do Barcelona de Guardiola

Pep Guardiola foi escolhido em Junho de 2007 para treinar a equipa B do Barcelona, e um ano depois era promovido a timoneiro da formação principal dos “blaugrana”, rendendo Frank Rijkaard.


Quatro anos depois, o técnico anunciou que chegou o momento de sair, confessando sentir necessidade de descansar após um período muito intenso. A trajectória de Guardiola no Barcelona fica marcada por um futebol que ficará para a história e por muitos troféus: no total foram 13 (pode ainda ganhar a Taça do Rei espanhol).

Ganhou três campeonatos de Espanha, uma Taça do Rei, três Supertaças de Espanha, duas Ligas dos Campeões, duas Supertaças europeias e dois Mundiais de clubes, uma lista que faz de Guardiola o treinador com mais títulos da história do Barcelona.

Foi uma estreia assombrosa, um ano em que o Barcelona ganhou tudo o que havia para ganhar. E no entanto, na Liga espanhola, tudo começou com uma derrota (0-1) diante do Numancia (veja o vídeo abaixo). Mas a equipa recuperaria desse início em falso. As estatísticas de Guardiola são elucidativas: orientou 242 partidas do Barcelona, ganhou 72%, a equipa marcou 618 golos e teve uma média de 67% de posse de bola.

Entre os momentos para recordar do Barça de Guardiola ficam as vitórias sobre o Real Madrid. Dos vários confrontos entre os dois rivais, os adeptos catalães recordarão com mais carinho as vitórias por 5-0 na Catalunha e por 6-2 no Santiago Bernabéu (veja os vídeos abaixo).

A Liga dos Campeões ganha em 2008-09, na primeira época de Guardiola como treinador do Barcelona, foi também um momento alto (veja o vídeo abaixo). Foi o terceiro troféu dos “blaugrana” na prova, e a primeira de duas que a equipa ganharia com Guardiola no comando.

Numancia-Barcelona, 0-1


Barcelona-Real Madrid, 5-0


Real Madrid-Barcelona, 2-6


Barcelona-Manchester United, 2-0


Vídeo-homenagem feita pelo Barcelona
 

 

Retirado do Público

 



publicado por olhar para o mundo às 18:55 | link do post | comentar

Quinta-feira, 17.11.11
O YouTube está a dividir os lucros dos vídeos virais com os seus autores
O YouTube está a dividir os lucros dos vídeos virais com os seus autores (DR)
Howard Davies-Carr é um cidadão britânico absolutamente comum. Com uma diferença: é o YouTube que vai pagar a escola privada dos seus três filhos. Como? Através do sucesso que obteve com um vídeo que colocou no YouTube em que um dos seus filhos morde o dedo ao irmão repetidas vezes.

Soube-se há poucos dias que Davies-Carr, de 42 anos, recebeu 100 mil libras (116 mil euros) depois de o seu vídeo “Charlie bit my finger - again!" [O Charlie mordeu-me o dedo - outra vez!] já ter sido visto quase 400 milhões de vezes no YouTube.

Uma parte desse dinheiro foi para férias e para “um castelo para o jardim” desta família com três crianças, mas o grosso do dinheiro - revelou o pai e autor do vídeo ao “The Sun” - está a ser investido na educação dos infantes. Estão todos em colégios privados e assim continuarão, com a ajuda do gigante dos vídeos online.

A boa notícia para todos nós é que qualquer pessoa que apanhe um instantâneo divertido dos filhos, dos animais domésticos ou da família alargada pode receber dinheiro do YouTube.

Caso algum vídeo deste género se torne viral, o YouTube irá dividir os lucros com as pessoas que o colocaram online, relatam diversos media. É que vídeos deste género são um íman para os internautas e costumam atrair muita publicidade.

O acordo entre o YouTube e os autores dos vídeos virais pode ser posto em marcha de forma bidireccional. Ou os responsáveis desta plataforma entram em contacto com os autores, e lhes oferecem a possibilidade de ganharem dinheiro, ou podem ser os próprios autores a entrarem em contacto com a empresa, chamando-lhes a atenção para um vídeo em particular.

Davies-Carr não foi até agora a única pessoa a lucrar. Jamie Hagan, de 18 anos, também já arrecadou 40.000 libras (46.000 euros) em três anos ao colocar vídeos cómicos com o seu irmão de 11 anos, Jacob. Por cada mil visitas, Jamie recebe cerca de 70 cêntimos, afiançando que dá uma parte ao seu irmão.

De acordo com o “The Sun”, especula-se que alguns utilizadores norte-americanos já tenham conseguido arrecadar somas de seis dígitos. O YouTube não fornece, porém, quaisquer garantias sobre quanto poderá encaixar um autor de um vídeo viral.

Mesmo em tempos de dificuldades como este talvez o leitor não se arrependa de comprar uma câmara digital. Mesmo que não grave um vídeo viral sempre ficará com boas recordações. De qualquer forma, para ter mais hipóteses de sucesso, o “The Guardian” recomenda que, antes de mais, aponte a câmara aos seus filhos (de preferência bebés) e a seguir aos seus animais de estimação (de preferência bichos estranhos, tipo lémures). Se puder juntar os dois numa sala pode ser que “chegue ao ouro”.

Para que o seu vídeo se torne viral em todo o mundo, evite os diálogos e aposte na comédia física. Se o vídeo tiver diálogos em Português, perca algum tempo a acrescentar-lhe legendas. Outra dica: comece já este Natal.



publicado por olhar para o mundo às 08:31 | link do post | comentar

Domingo, 06.11.11
Pedido de casamento com flashmob no metro de Londres [vídeo]
A proposta romântica teve lugar no famoso ‘tube’ de Londres na terça-feira passada. O noivo organizou um flashmob para o ajudar a fazer o pedido de casamento.

Viajantes surpresos, assistaram ao coro londrino Adam Street Singers reunir-se a Bill Withers, para cantar a música «Lovely Day» à futura noiva.

O pedido também teve direito a uma coreografia de grupo.

 

A noiva, Lucy, aceitou o pedido prontamente, e ontem colocou o vídeo no Youtube. O vídeo já se tornou viral, atingindo números elevados de partilhas e visualizações.

 

 

Via SOL




publicado por olhar para o mundo às 17:13 | link do post | comentar

Sexta-feira, 02.09.11


publicado por olhar para o mundo às 08:31 | link do post | comentar

Quarta-feira, 15.06.11
Letra
Só para afastar esta tristeza
para iluminar meu coração
falta-me bem mais tenho a certeza,
do que este piano e uma canção.


Falta me soltar na noite acesa
o nome que no peito me sufoca,
e queima a minha dor.


Falta-me solta-lo aos quatro ventos
para depois segui-lo por onde for,
ou então dize-lo assim baixinho
embalando com carinho,
o teu nome, meu amor.


Porque todo ele é poesia,
corre pelo peito como um rio
devolve aos meus olhos a alegria
deixa no meu corpo um arrepio,
porque todo ele é melodia
porque todo ele é perfeição.
É na luz que vem.


Falta-me dize-lo lentamente
falta soletra-lo devagar,
ou então bebe-lo como um vinho,
que dá força pro caminho
quando a força faltar.


Falta-me solta-lo aos quatro ventos
para depois segui-lo por onde for,
ou então dize-lo assim baixinho
embalando com carinho,
o teu nome, meu amor.


Porque todo ele é melodia
e porque todo ele é perfeição.
É na luz que vem.


Falta-me solta-lo aos quatro ventos
para depois segui-lo por onde for,
ou então dize-lo assim baixinho
embalando com carinho,
o teu nome, meu amor.


publicado por olhar para o mundo às 17:05 | link do post | comentar

Segunda-feira, 06.06.11

Quem não se lembra da primeira professora? Aquela que nos ensinou a ler e escrever e que deixou mais lições para a vida. Aquela que nos colocou de castigo ou que dobrava o trabalho de casa quando não sabíamos a tabuada, mas que a seguir já nos estava a desafiar para cantar de mãos dadas ao som da viola.

Se fechar os olhos, vejo o cuidado atento e o sorriso doce da minha primeira professora, e se voltar a abri-los percebo que muitos valores foram aprendidos na sala de aula. Em tenra idade, os docentes têm um papel fundamental, que se prolonga para a vida. Exemplo disso é a mexicana Martha Rivera Alanis, que virou heroína esta semana dentro e fora do seu país.

Enquanto acontecia lá fora um violento tiroteio entre traficantes, a professora primária resolveu cantar para os alunos, para que o episódio passasse quase despercebido, mantendo-os calmos dentro da sua inocência.

Deitados no chão, as crianças permaneciam imóveis, cantando alegremente em coro, sem ouvirem o barulho dos tiros.

A atitude de coragem e a postura cívica de Martha valeram-lhe uma distinção pelas autoridades de Monterrey, mas também o mundo aplaudiu a sua atuação, depois de o vídeo ter sido divulgado no YouTube.

E foi assim, que se pouparam estas crianças a ferimentos e traumas desnecessários, porque nesta fase o importante é elas acreditarem que o mundo é encantado, bonito e colorido. Feliz Dia da Criança, porque os dias especiais para elas são todos os dias!! 

 



publicado por olhar para o mundo às 08:21 | link do post | comentar

Domingo, 08.05.11

 

 

 



publicado por olhar para o mundo às 23:51 | link do post | comentar

Segunda-feira, 25.04.11

 

No 37º aniversário do 25 de abril, veja o vídeo com uma entrevista a Pedro Feytor Pinto, o homem que negociou a rendição de Marcelo Caetano. Visite também uma fotogaleria do dia da revolução e descarregue gratuitamente a canção-senha "E depois do Adeus", um dos temas do novo álbum dos Movimento, cantado por Gomo, Selma Uamusse, Marta Ren e Miguel Ângelo.




 



publicado por olhar para o mundo às 21:49 | link do post | comentar

Sábado, 16.04.11

 

Comer bem é mais barato

Esta campanha centra-se em dois pontos fundamentais: contribuir para a mudança de atitudes e comportamentos alimentares das famílias portuguesas e conseguir ter uma alimentação equilibrada e saudável, por menos dinheiro.

 

 

"Há dois milhões de pessoas com fome em Portugal. São pessoas com grandes dificuldades económicas. Mas não é só uma fome de quem não come, é uma fome de quem come mal. São carências de ferro, cálcio, iodo, vitaminas e outros nutrientes essenciais para o bom funcionamento do nosso corpo. É uma fome que nasce das más escolhas alimentares e que mata aos poucos.

 

Destrói o aproveitamento escolar, causa diabetes, complicações cardiovasculares, facilita infecções, obesidade e outros problemas de saúde. Mas o mais curioso é que esta fome é mais fácil de matar do que parece. Mata-se com uma alimentação equilibrada, não comendo só doces e gorduras e não exagerando nos refrigerantes. Mata-se com  os nutrientes que estão na comida caseira. Comida que até é mais barata pois sai mais barato fazer uma refeição completa em casa do que comprar um pacote de bolachas. E é a comer bem que se pode ajudar a acabar com esta fome." (retirado do site Comer bem é mais barato )

 

Partilho esta iniciativa e recomendo que visitem o site, encontram lá toda a informação, receitas e vídeos que podem consultar.

Congratulo, também, todos os que contribuíram para esta iniciativa: Fundação Gulbenkian, Fundação EDP e a SIC, com o apoio da DECO e da Associação Portuguesa dos Nutricionistas.

 

 

 

Via A Vida de saltos altos



publicado por olhar para o mundo às 17:29 | link do post | comentar

Sábado, 02.04.11

Conversa de gémeos

 

 

Se um bebé a fazer gracinhas é um sucesso, então gémeos a tagarelar são... milhões de visualizações. Em apenas uma semana estes dois artolas ficaram a ser a dupla mais conhecida da Net. E já começaram a aparecer as versões legendadas.

 

Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 17:39 | link do post | comentar

Megan Fox Para a Armani

Agora que a actriz Megan Fox está "livre" de participar em blockbusters como Os Transformers, em que a bem da moral das crianças era obrigava a ser uma vestida respeitável destruidora de robôs, já pode tirar a roupa para a Armani. Contudo, assim que o vídeo chegou ao perturbado mundo dos virais (mais os making of e afins...) as questões mais discutidas foram se Megan Fox está com um Índice de Massa Corporal abaixo do normal, se estará saudável, se será anorexia. O Homem do Lixo dá-a como apta.

 

Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 10:37 | link do post | comentar

Sexta-feira, 25.03.11

 

 

E lá se foram as hipóteses de uma candidatura

 



publicado por olhar para o mundo às 08:31 | link do post | comentar

Sábado, 19.03.11
Casa e Biblioteca de Saramago em Lanzarote abrem hoje ao público

 

 

A casa e a biblioteca onde o escritor José Saramago passou parte da sua vida, em Lanzarote, Espanha, foram transformadas numa «casa-museu» que abrirá hoje as portas ao público.

A inauguração ocorre na data em que se cumprem nove meses desde a morte do Nobel da Literatura, «o tempo que se demora a morrer», como Saramago deixou escrito no romance O Ano da Morte de Ricardo Reis.

E é por isso que a data é escolhida para a abertura ao público da casa e da biblioteca do escritor português em Lanzarote, nas ilhas Canárias, onde decidiu viver a partir dos anos 1990.

Na casa José Saramago viveu e escreveu os romances das duas últimas décadas, foi lá que instalou a biblioteca pessoal e viveu com Pilar del Río.

Foi criado um percurso pela casa e biblioteca do escritor, sendo possível passar, por exemplo, pela cozinha, escritório e quarto do autor.

Na cerimónia de abertura da casa e da biblioteca, que a Fundação descreve como uma despedida de José Saramago, estarão presentes vários convidados, entre os vários editores que publicaram a obra do escritor, como o editor português Zeferino Coelho.

Na ocasião, Pilar del Río, presidente da fundação, explicará a razão da abertura ao público da casa de Saramago, e a directora da Casa Pessoa, a escritora Inês Pedrosa, lerá um fragmento de O Ano da Morte de Ricardo Reis.

José Saramago morreu a 18 de Junho de 2010, aos 87 anos.

 

 

 

Via Sol

 



publicado por olhar para o mundo às 09:46 | link do post | comentar

Sábado, 12.03.11

Jennifer Aniston faz 'vídeos de sexo'

 

Actriz protagoniza a campanha de uma marca de água e brinca com todos os assuntos que fazem furor na Web.

 

 

Jennifer Aniston é a protagonista da nova campanha de publicidade da marca de água mineral Smartwater. No vídeo agora lançado, e propositadamente intitulado Vídeos de sexo de Jennifer Aniston, a actriz e a marca decidiram brincar com o mundo da Internet e fazem tudo para chamar a atenção.

 

Tanto o título da campanha, como o conteúdo insólito do anúncio, como animais, bebés a dançar, sensualidade, violência e sexo... tudo vale "para ter o máximo de cliques e visualizações desta campanha", brinca a actriz.

 

No final do vídeo, Aniston pergunta. "Como vamos chamar este vídeo?". Os seus acessores respondem: "Vídeos de sexo de Jennifer Aniston". Ao que a actriz remata: "Adoro isso".

 

Quem também faz uma participação especial no vídeo é Keenan Cahil, o adolescente-sensação do Youtube, que publica vídeos a interpretar êxitos da pop em playback.

 

Via DN



publicado por olhar para o mundo às 21:03 | link do post | comentar

Segunda-feira, 07.03.11

 

Heidi Klum

 

 

 

Heidi Klum despiu as cuecas numa festa organizada por Elton John, depois da cerimónia dos Óscares.

Ross Matthews, do programa "Tonight Show" de Jay Leno, recolhia recordações das estrelas para o famoso apresentador, que não foi convidado para a entrega dos galardões, por não estar ligado ao cinema. Quando interpelou a modelo alemã, que disse não ter "aqui muita coisa que possa dar", esta resolveu oferecer algo tão íntimo como inesperado – a roupa interior. "O Jay vai gostar!", brincou Klum.

Jamie Foxx, Jane Lynch e Hayden Panetiere foram outras das estrelas que contribuíram para o saco de presentes, com uns óculos escuros, um cartão de crédito e um guardanapo com marcas de bâton, respectivamente.

 

 

 

Via Ionline

 



publicado por olhar para o mundo às 13:37 | link do post | comentar

Domingo, 27.02.11

 

 

Letra

 

love I get so lost, sometimes
days pass and this emptiness fills my heart
when I want to run away
I drive off in my car
but whichever way I go
I come back to the place you are

all my instincts, they return
and the grand facade, so soon will burn
without a noise, without my pride
I reach out from the inside

in your eyes
the light the heat
in your eyes
I am complete
in your eyes
I see the doorway to a thousand churches
in your eyes
the resolution of all the fruitless searches
in your eyes
I see the light and the heat
in your eyes
oh, I want to be that complete
I want to touch the light
the heat I see in your eyes

love, I don't like to see so much pain
so much wasted and this moment keeps slipping away
I get so tired of working so hard for our survival
I look to the time with you to keep me awake and alive

and all my instincts, they return
and the grand facade, so soon will burn
without a noise, without my pride
I reach out from the inside

in your eyes
the light the heat
in your eyes
I am complete
in your eyes
I see the doorway to a thousand churches
in your eyes
the resolution of all the fruitless searches
in your eyes
I see the light and the heat
in your eyes
oh, I want to be that complete
I want to touch the light,
the heat I see in your eyes
in your eyes in your eyes
in your eyes in your eyes
in your eyes in your eyes

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Sábado, 26.02.11

 

 

Letra

 

No, no intentes disculparte
No juegues a insistir
Las excusas ya existían antes de ti

 

No, no me mires como antes
No hables en plural
La retórica es tu arma más letal

 

Voy a pedirte que no vuelvas más
Siento que me duelas todavia aquí
Adentro
Y que a tu edad sepas bién lo que es

Romperle el corazón a alguién así

 

No se puede vivir con tanto veneno
La esperanza que me da tu amor

No me la dió más nadie
Te juro, no miento
No se puede vivir con tanto veneno
No se puede dedicar el alma
A acumular intentos
Pesa más la rabia que el cemento

 

Espero que no esperes que te espere
Después de mis 26
La paciencia se me ha ido hasta los pies

 

Y voy deshojando margaritas
Y mirando sin mirar
Para ver si así te irritas y te vas

 

Voy a pedirte que no vuelvas más
Siento que me duelas todavia aquí
Adentro
Y que a tu edad sepas bién lo que es
Romperle el corazón a alguién así

 

No se puede vivir con tanto veneno
La esperanza que me dió tu amor
No me la dió más nadie
Te juro, no miento
No se puede morir con tanto veneno
No se puede dedicar el alma
A acumular intentos
Pesa más la rabia que el cemento

 

No se puede vivir con tanto veneno
No se puede vivir con tanto veneno

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Sexta-feira, 25.02.11

 

 

 

 

 

Letra

 

Noites frias de marfim
Noites frias ao luar
A conversa já no fim
Matas-me com o teu olhar. 
Matas-me com o teu olhar
Matas-me com o teu olhar.

Sabes que esta vida corre
Como a sombra pelo chão
Nada fica, tudo foge
Ouve a voz do coração.

Matas-me com o teu olhar
Matas-me com o teu olhar.

São como cubos de gelo
Que eu sinto ao tocar
As palavras têm medo
Matas-me com o teu olhar.

Matas-me com o teu olhar
Matas-me com o teu olhar.

Com o teu olhar.

Matas-me com o teu olhar
Matas-me com o teu olhar.
Matas-me com o teu olhar
Matas-me com o teu olhar. 
Com o teu olhar.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Quinta-feira, 24.02.11

 

 

Letra

 

eu sei que já me enganei
vezes sem conta
e não contei
eu sei que já me cortei
em facas de ponta
e não sangrei

eu sei que às vezes menti
para não ficar
longe de ti
eu sei que já me perdi
para te encontrar.
e entristeci

eu sei que disse que sim
a tudo o que não
partia de mim
chamei bombom ao ruim
pedi perdão
num copo de gin

andei à toa na rua
fiz a minha cova
acabei seminua
chamando nomes à lua
que não se renova
para eu ser só tua

mas fiz da minha perdição
o meu rosário
virei o mundo ao contrário
e encontrei a salvação

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Quarta-feira, 23.02.11

 

 

Letra

 

Menina estás à janela
Com o teu cabelo à Lua
Não me vou daqui embora 
Sem levar uma prenda tua

Sem levar uma prenda tua
Sem levar uma prenda dela
Com o teu cabelo à Lua
Menina estás à janela

Estás à janela
Com o teu cabelo à Lua
Não me vou daqui embora 
Sem levar uma prenda tua

Sem levar uma prenda tua
Sem levar uma prenda dela
Com o teu cabelo à Lua
Menina estás à janela

Menina estás à janela
Com o teu cabelo à Lua
Não me vou daqui embora 
Sem levar uma prenda tua

Sem levar uma prenda tua
Sem levar uma prenda dela
Com o teu cabelo à Lua
Menina estás à janela

Uma prenda tua
Sem levar uma prenda dela
Com o teu cabelo à Lua
Menina estás à janela

Cabelo à Lua
Menina estás à janela x6

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Terça-feira, 22.02.11

 

 

Letra

 

Nada em terra e céu, nos pode ensinar
O que vai na alma, de alguém que recusa
Deitar sobre o chão
Eu não

Oh, se te amo
Se não tenho
Oh, a vergonha
De o dizer

E nunca esse acaso ou lei, eu entendi
O homem que em vão se agita
Tão perto do mundo, tão longe de Deus
Eu não

Oh, se te amo
Se não tenho
Oh, a vergonha
De o escrever

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Segunda-feira, 21.02.11

Chamam-se Jessie e Reanin, são duas modelos neo-zelandesas que, na cidade norte-americana de Los Angeles, decidiram filmar os olhares de quem passa por detrás delas.

Colocaram uma câmara oculta no bolso traseiro das calças (justas) e publicaram no YouTube o vídeo com a preparação de tudo e com os olhares de que foram alvo.

«A nossa câmara vai mostrar-vos, rapazes e meninas, quão espertos vocês não são», lê-se na descrição do vídeo que regista já mais de quatro milhões de visualizações.

 

 

 

 

Via Sol



publicado por olhar para o mundo às 14:51 | link do post | comentar

 

 

Letra

Yô, S-A-U-D-A-D-E,
O Melo disse "Já chega",
Eu sei, desculpa mas é,
Que eu não consigo deixar de relembrar o passado,
Pa conseguir avançar,
Pa conseguir alcançar
A lua, as estrelas, talvez o Ibério de Chi-Ar (?),
Ok, agora foi geek,
E dou graças à BD porque hoje eu tenho aquele clique,
Imagino como se vê,
Lia bué DC, Image e Marvel,
Hoje em dia eu leio o Metro,
Pró resto não há papel,
Sabe bem como mel,
Ou cortas logo com limão,
Pode ser agridoce, ou só agri recordação,
Desbloco blocos antigos, faço novos abrigos,
Posso dizer que passei a ser imune a certos perigos,
E inimigos, concisos, concretos em certos aspectos,
Certos, mas sempre com a mania que são buéda
espertos,
E lembro afectos, e lembro bem,
Quando não fiz nada por mim, tentei fazer por alguém,
Isto é verdade ..
Se tu não vês, não percebes que a saudade só existe em
português ..
Existe mais em português

Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade só existe em português ..

Saudade vem do latim, influência de "saudar",
Saúdo logo aquilo que dela tenho para dar,
Recordações, histórias, situações e memórias,
Músicas, filmes, fotos, risos e paranóias,
Eu não comia smarties, eu comia pintarolas,
Eastpak era zero, Monte Campo reinava as escolas !
Depois das aulas,
Eu nunca fui muito baldas,
Fui expulso de algumas salas, levei recados pra casa,
Daqueles que ninguém se rala,
Seguia logo pelas escadas, o people chega em camadas,
Eram dias, eram tardes,eram noites bem passadas,
E são noites, e são tardes, e são dias bem passados,
Hoje em dia são lembrados, reciclados, rebuscados,
Mas nunca são repetidos, imitados ou forçados ..
E o meu meio envolvente sente um grupo consistente,
Como um povo que se estende, saem uns, entra mais
gente,
E não me é indiferente que sapatos eu calço,
Com eles andei, vi e vivi mais que um precalço,
Através deles, milito e delimito o meu espaço,
Eu cago nos maus momentos, e os bons eu realço,
Tenho saudades do presente e do passado, eu juro,
E à noite, momento puro no escuro eu não descuro,
De pensar que até já tenho saudades do meu futuro..
Saudades do meu futuro..

Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade só existe em português ..

Mais do que a ideia,
Gosto de deixar fluir,
Mais do que sentir,
Gosto da palavra,
E a forma como se entrelaça, com um sentimento de
pertença,
Convidando o tempo para uma dança,
Gosto como a música nos leva para longe, sem sair do
lugar,
E sentir que se eleva, lá do alto onde os vejos,
Conhecem a distância que nos separa,
E quanto pesa o desejo, de voltar, de saudadiar,
Quero tocar onde dizes que dói,
Preciso de descobrir, essa saudade que torce e mói,
Alimenta, ou nos destrói..

Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade existe mais em português ?
Tu não vês, tu não vês .. ?
Que a saudade só existe em português .

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Domingo, 20.02.11

 

 

Letra

Duerme negrito


Duerme, duerme negrito
que tu mama esta en el campo, negrito
Duerme, duerme mobila
que tu mama esta en el campo, mobila

Te va a traer codornizes para ti
Te va a traer rica fruta para ti
Te va a traer carne de cerdo para ti
Te va a traer muchas cosas para ti

Y si el negro no se duerme
viene el diablo blanco
Y ¡zaz! le come la patita
chicapumba, chicapumba, apumba chicapum

Duerme, duerme negrito
que tu mama esta en el campo, negrito

Trabajando
trabajando duramente
Trabajando si
trabajando y va de luto
Trabajando si
trabajando y no le pagan
Trabajando si
trabajando y va tosiendo
Trabajando si
pa' el negrito chiquitito
pa' el negrito si
Trabajando si
Trabajando si

Duerme, duerme negrito
que tu mama esta en el campo, negrito

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Sábado, 19.02.11

 

 

Letra
Por la blanda arena
Que lame el mar
Su pequeña huella
No vuelve más
Un sendero solo
De pena y silencio llegó
Hasta el agua profunda
Un sendero solo
De penas mudas llegó
Hasta la espuma.

Sabe Dios qué angustia
Te acompañó
Qué dolores viejos
Calló tu voz
Para recostarte
Arrullada en el canto
De las caracolas marinas
La canción que canta
En el fondo oscuro del mar
La caracola.

Te vas Alfonsina
Con tu soledad
¿Qué poemas nuevos
Fuíste a buscar?
Una voz antigüa
De viento y de sal
Te requiebra el alma
Y la está llevando
Y te vas hacia allá
Como en sueños
Dormida, Alfonsina
Vestida de mar.

Cinco sirenitas
Te llevarán
Por caminos de algas
Y de coral
Y fosforescentes
Caballos marinos harán
Una ronda a tu lado
Y los habitantes
Del agua van a jugar
Pronto a tu lado.

Bájame la lámpara
Un poco más
Déjame que duerma
Nodriza, en paz
Y si llama él
No le digas nunca que estoy
Di que me he ido.

Te vas Alfonsina
Con tu soledad
¿Qué poemas nuevos
Fueste a buscar?
Una voz antigüa
De viento y de sal
Te requiebra el alma
Y la está llevando
Y te vas hacia allá
Como en sueños
Dormida, Alfonsina
Vestida de mar.

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Sexta-feira, 18.02.11

 

 

Letra

 


Noites sem ti 
Onde me perco 
Procuro por mim 
Na paixão do incerto 
E saber que me amas 
Mas mesmo assim 
Basta p'ra mim 
Dizeres que sim 

Mesmo quando eu vou 
Gostares de mim 
Pelo o que sou 
Deixa-me olhar 
Deixa-me perguntar 
Se gostas de mim nas noites 
Que eu passo sem ti 

E sempre que eu te vejo 
Perco-me na luz da noite 
E sempre que eu te beijo 
Fico sem medo do som

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

 

 

A Torre da Universidade de Coimbra reabriu ao público para visitas guiadas, após uma reabilitação que durou cerca de um ano e foi financiada por antigos estudantes e por um conhecido Banco.

 

O restauro pretendeu devolver à Torre a sua dignidade visual, nomeadamente a limpeza e restauro da pedra, a substituição das caixilharias e o reforço das condições de segurança, iluminação, informação e meios de comunicação.

 

Do alto dos seus 34 metros (altura equivalente a um prédio de 12 andares), a Torre Universitária de Coimbra, o maior símbolo da instituição, vigia a cidade. Foi edificada entre 1728 e 1733 por António Canevari, local onde os visitantes têm à sua espera a árdua tarefa de vencer os 180 degraus de escada em caracol. O remate em forma de terraço é uma das características da Torre, que aloja, além dos relógios, três sinos, que regulam o funcionamento do ritual da Universidade e são conhecidos entre os estudantes por "Cabra, Cabrão e Balão".

 

Esta intervenção monumental fez parte de um vasto plano de recuperação e valorização da Alta Universitária, no âmbito da candidatura da Universidade de Coimbra a Património Mundial.

 

Ir ver a Torre da Universidade e não visitar a Biblioteca Joanina, é como ir a Roma e não ver o Papa.

 

 

 

 

 

Via About Portugal

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:01 | link do post | comentar

Quinta-feira, 17.02.11

 

 

Letra

Trocámos lágrimas e paixão
Como foi que te perdi? 
Um momento de ilusão 
Fiquei longe de ti 

As noites em branco
O negro do dia 
Desejo ardente 
A cama fria 

Longe de ti
Já não posso viver assim 
O vazio que há em mim 
Sinto que estou perto 
Do fim 

A tristeza no olhar
A dor dentro de mim 
A vontade de chorar 
Ninguém sofre assim 

As noites em branco
O negro do dia 
Desejo ardente 
A cama fria 

Longe de ti
Já não posso viver assim 
O vazio que há em mim 
Sinto que estou perto... 


Longe de ti
Já não posso viver assim 
O vazio que há em mim 
Sinto que estou perto
Do fim. 

Longe de ti...
Longe de ti... 
Longe de ti... 
(repete4x)

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Quarta-feira, 16.02.11

 

 

Letra
Há algo de senil em mim
Que já nao me deixa lembrar
Há quanto foi o fim
Nao sei cheguei a começar

Mas sei que foi sempre assim
Mais olhos que barriga
Mais sono que fadiga
Há sempre tempo para parar
Saber se vale a pena
Ou ficou por fazer


Refrão:

É só contar até 3 (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Fechar os olhos (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Respirar bem fundo (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Começar de novo (1...2...3)
Vou nascer outra vez

Nunca foi boa escolha
Ficar à espera para ver
Por mais que agente sofra
Um dia havemos de morrer

Mas sei que foi sempre assim
Mais garganta que vontade
Mais treta que verdade
Há sempre tempo para pensar
Mudar alguma coisa
Ou me parto a loiça

Refrão:

É só contar até 3 (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Fechar os olhos (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Respirar bem fundo (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Começar de novo (1...2...3)
Vou nascer outra vez

Refrão:

É só contar até 3 (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Fechar os olhos (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Respirar bem fundo (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Começar de novo (1...2...3)
Vou nascer outra vez

Refrão:

É só contar até 3 (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Fechar os olhos (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Respirar bem fundo (1...2...3)
Vou nascer outra vez
Começar de novo...

 

 



publicado por olhar para o mundo às 12:03 | link do post | comentar

Terça-feira, 15.02.11

Cristina Aguilera cai durante os Grammys (Vídeo)

 

Depois de se ter enganado a cantar no hino na final do Super Bowl, Christina Aguilera volta a ser protagonista de um momento embaraçoso. Na cerimónia dos Grammy, que ocorreu a noite passada, a cantora norte-americana caiu no palco durante a actuação.

A cantora, que juntamente com Jennifer Hudson, Yolanda Adams, Martina McBride e Florence Welch cantou um tema para homenagear Aretha Franklin, necessitouda ajuda das suas colegas para se manter em pé e continuar a performance.

Veja a queda de Christina Aguilera.

 

 

 

Via Ionline

 

 



publicado por olhar para o mundo às 14:00 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Os melhores momentos do B...

Como ganhar dinheiro com ...

Pedido de casamento com f...

Vídeo: Como se faz um beb...

Miguel Gameiro - O teu no...

Professora canta para sal...

Está explicado, porque é ...

25 de abril de 1974: o di...

Comer bem é mais barato

Conversa de gémeos

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags



comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links


blogs SAPO
subscrever feeds