Quarta-feira, 02.05.12

Abano, Avencas, Azarujinha, Bafureira, Carcavelos, Conceição, Crismina, Duquesa, Guincho, Moitas, Parede, Poça, Rainha, São Pedro do Estoril e Tamariz iniciam hoje a época balnear

 

época balnear começa hoje em Cascais, o primeiro concelho do país a antecipar a vigilância nas praias.

 

As praias de Abano, Avencas, Azarujinha, Bafureira, Carcavelos, Conceição, Crismina, Duquesa, Guincho, Moitas, Parede, Poça, Rainha, São Pedro do Estoril e Tamariz, em Cascais, iniciam hoje a época balnear, de acordo com a portaria de 27 de abril publicada pelo Governo em Diário da República.

Neste concelho da Grande Lisboa, a época balnear encerra a 30 de setembro. Ainda em Lisboa e Vale do Tejo, seguem-se a 12 de maio as praias de Caxias, Paço d'Arcos, Santo Amaro e Torre, no concelho de Oeiras, onde a época balnear termina a 16 de setembro. Já na região algarvia, Albufeira inicia este período a 19 de maio e termina a 21 de outubro nas suas 25 praias.

Algarve abre a 12 de maio

 

A primeira praia fluvial a sul a iniciar época é Pego Fundo, no concelho algarvio de Alcoutim, a 12 de maio.

 

A época balnear começa a 1 de junho nas praias de Alcobaça, Almada, Nazaré, Peniche e Sintra (Lisboa e Vale do Tejo), Grândola, Sesimbra, Setúbal e Sines (aqui enquadradas no grupo Alentejo), Aljezur, Castro Marim, Lagoa, Loulé, Olhão, Portimão, Silves, Tavira, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António (Algarve).

 

Na mesma data, abre também em Angra do Heroísmo, Calheta, Horta, Lagoa, Lajes das Flores, Lajes do Pico, Madalena, Ponta Delgada, Povoação, Praia da Vitória, Ribeira Grande, Santa Cruz da Graciosa, São Roque do Pico, Velas, Vila do Porto e Vila Franca do Campo (Açores) e na Calheta, Funchal, Porto Moniz, Porto Santo, Santa Cruz e Santana (Madeira).

 

Entre as praias fluviais, a época balnear inicia-se também a 1 de junho em Devesa (Sabugal), Alqueidão (Terras do Bouro), Rabaçal (Valpaços), Ponte Frades, Ponte Rança e Ponte Soeira (Vinhais).

Até 2 de julho todas as praias estarão abertas

Na lista estão ainda Olhos de Fervença (Cantanhede), Vale do Rossim (Gouveia), Aldeia Viçosa (Guarda, Senhora da Ribeira (Santa Comba Dão), São João do Monte (Tondela) Cabril e Mosteiro (Pedrógão Grande), Albufeira da Meimoa (Penamacor), Corga (Castanheira de Pêra), Sesmo e Taberna Seca (Castelo Branco), Unhais da Serra (Covilhã), Relva da Reboleira (Manteigas), Pessegueiro e Santa Luzia (Pampilhosa da Serra) e Albufeira da Tapada Grande (Mértola).

 

As restantes praias marítimas e fluviais do país abrem a época balnear entre 15 de junho e 2 de julho.

 

Retirado do Expresso



publicado por olhar para o mundo às 08:52 | link do post | comentar

Quinta-feira, 19.04.12
Os Scissor Sisters actuam no dia 21 de Julho
Os Scissor Sisters actuam no dia 21 de Julho (Miguel Manso)
Os norte-americanos Scissor Sisters, os escoceses Gun e os portugueses Azeitonas são as mais recentes confirmações para o Festival Marés Vivas TMN, que se realiza em Vila Nova de Gaia, entre os dias 18 e 21 de Julho.

Já uma presença habitual em Portugal, os Scissor Sisters, conhecidos pelo seu estilo original, que mistura o disco sound com o glam das lantejoulas, vão apresentar no Marés Vivas o seu mais recente trabalho, o quarto álbum de originais, “Magic Hour”, que chega às lojas no próximo mês. Já a passar nas rádios está o single “Only the Horses”, cuja produção ficou a cargo do britânico Calvin Harris, responsável pelo tema “We Found Love” de Rihanna. A banda actua no dia 21 de Julho. 

Também de regresso a Portugal estão os Gun, banda com mais de 20 anos de carreira e que em 2009 actuaram no Campo Pequeno. Rolling Stones, Bon Jovi, Simple Minds, Bryan Adams e Def Leppard são alguns dos nomes com quem os escoceses já actuaram. 

Com seis álbuns editados entre 1989 e 2005, ficaram mundialmente conhecidos pela cover do tema “World Up” dos Cameo, que lhes valeu o prémio Best Cover da MTV. Também “Seems Like I´m Losing You” do álbum “Swagger”, “Better Days” e “Steal Your Fire” foram temas marcantes dos anos 1990. Os Gun sobem ao palco no dia 19 de Julho. 

Os portugueses Azeitonas, que integram o cartaz do Marés Vivas pelo terceiro ano consecutivo, têm concerto marcado para o dia 20 de Julho e vão ter um convidado especial: Rui Veloso, responsável por ter tirado a banda portuense da garagem. Temas como “Anda comigo ver os aviões” ou “Quem és tu miúda” tornaram a banda portuguesa num fenómeno de popularidade. 

As três bandas juntam-se assim aos já confirmados Kaiser Chiefs, The Sounds, Ebony Bones, Billy Idol, Garbage, Franz Ferdinand, The Cult, Wolfmother, Gogol Bordello e Pedro Abrunhosa.

Os bilhetes estarão à venda nos locais habituais e têm o preço de 30 euros (um dia) e 50 euros (quatro dias). A partir do dia 1 de Junho o passe de quatro dias passará a custar 60 euros.

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 12:30 | link do post | comentar

Domingo, 02.10.11
Temperaturas vão aumentar ligeiramente nos próximos dias
Temperaturas vão aumentar ligeiramente nos próximos dias (Público)

O tempo seco e quente deste princípio de Outubro está a trocar as voltas ao Outono. As praias estão cheias, há ozono em excesso no ar e o risco de incêndio está a preocupar os bombeiros.

 

Na maior parte do país, o risco de incêndio hoje é “elevado”, “muito elevado” ou mesmo, nalguns concelhos, “máximo”. Na prática, todas as áreas normalmente mais fustigadas por fogos florestais – como o centro do país, entre o Tejo e o Douro, e a serra algarvia – estão em situação de risco.

Segundo dados da Autoridade Nacional de Protecção Civil, houve 243 incêndios ontem – o maior valor diário pelo menos desde 13 de Setembro. Hoje, foram já combatidos 92 incêndios, desde a meia-noite e até às 11h30. Até às 12h10, havia 13 fogos em curso. O mais expressivo estava a lavrar no concelho de Torres Vedras, sendo combatido por 50 bombeiros, 13 veículos e um helicóptero.

Os fogos estão a ocorrer num momento em que parte do efectivo de combate está a ser desmobilizado, finda a fase Charlie dos incêndios florestais, que vai até ao final de Setembro. Esta situação levou a Liga dos Bombeiros Portugueses a manifestar, hoje, “a sua grande preocupação pela desmobilização de meios dos bombeiros no âmbito do Dispositivo Especial de Combate aos Incêndios Florestais”, segundo um comunicado publicado no siteda organização.

A Liga dos Bombeiros pede ao Governo que interrompa “o processo de desmobilização, prolongando-o para além do que estava previsto em função das zonas de maior risco já identificadas”.

O Instituto de Meteorologia prevê a continuação do tempo quente pelo menos até terça-feira. As temperaturas vão ainda subir ligeiramente, mantendo-se a máxima em torno dos 30 graus Celsius (ºC) em praticamente todo o país. Hoje, os termómetros deverão chegar 30ºC no Porto, Vila Real e Beja, 31ºC em Lisboa, Coimbra e Évora, e 33ºC em Leiria e Braga. Os distritos de Leiria e Aveiro estão em alerta amarelo de calor, que implica “situação de risco para determinadas actividades dependentes da situação meteorológica”. É o segundo nível menos grave numa escala de quatro utilizada pelo Instituto de Meteorologia.

Nas praias, os banhistas não estão a enfrentar níveis de radiação ultravioleta muito elevados. Mas ainda assim, a previsão é de nível “alto” na maior parte do país – níveis 6 e 7, numa escala de 1 (baixo) a 11 (extremo).

A concentração de ozono no ar também está a ser um indicador de um clima mais veronil do que outonal. Esta manhã, os níveis deste gás – que se forma ao nível do solo em dias de muito calor – ultrapassaram o limite de “informação à população” nos concelhos de Estarreja, Albergaria-a-Velha, Murtosa, Ovar e Aveiro, segundo um comunicado da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro. O excesso de ozono ao nível do solo pode afectar o sistema respiratório, especialmente em pessoas mais susceptíveis, como idosos, crianças e portadores de doenças pulmonares.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 15:43 | link do post | comentar

Sexta-feira, 02.09.11

 

Em dias quentes há vinhos que refrescam

 

Brancos, rosés ou espumantes: os vinhos ideais para refrescar um dia de calor e para tomar em boa companhia
O Verão, com os seus dias longos e temperaturas altas, é um convite a estar numa esplanada em boa companhia, ao som de boa música e a beber algo refrescante. Seja para almoçar seja para jantar, nesta altura do ano muitas vezes optamos por refeições mais ligeiras e frescas, e para acompanhar o isugere- -lhe que troque as cervejas e os refrigerantes por um bom vinho de Verão.

Costuma dizer-se que há um vinho certo para cada ocasião e que o importante é saber escolher aquele que reúne as melhores características. Vinhos brancos, frescos e leves, vinhos rosé ou espumantes, qualquer destes é indicado para aproveitar os dias de Verão que ainda estão para vir.

Portugal é orgulhosamente conhecido pelo vinho que produz. A região do Douro é visitada todos os anos por milhares de turistas atraídos pelas vinhas a perder de vista, talhadas nas encostas dos vales ao longo do rio. Além de terem sido consideradas Património da Humanidade pela UNESCO em 2001, dão origem ao que é um dos vinhos mais famosos em todo o mundo, o vinho do Porto. A península de Setúbal é outra região muito procurada para a produção vinícola. Com um clima influenciado pela proximidade do mar e dos rios Tejo e Sado, é conhecida pelos vinhos moscatel de Setúbal e pela casta Fernão Pires, que dá origem a excelentes vinhos brancos. É aqui, e também no Alentejo, que uma das maiores empresas portuguesas vai buscar as uvas para produzir aquilo que melhor sabe fazer: vinhos. A José Maria da Fonseca conta com quase dois séculos de existência, pautados por uma filosofia de trabalho que alia o permanente desenvolvimento à preocupação com a tradição. O negócio familiar, que começou em 1834, oferece um vasto leque destas bebidas, incluindo a marca de vinhos de mesa mais antiga de Portugal e um dos ícones da casa, o Periquita Branco. Utilizando as melhores castas das regiões onde tem as suas vinhas, a José Maria Fonseca é hoje uma referência incontornável no mercado vinícola português. 

Se a enologia não é o seu forte, ou seja, se não percebe muito de vinhos, aproveite as nossas sugestões e siga o nosso conselho: beba com moderação.

 



publicado por olhar para o mundo às 10:41 | link do post | comentar

Quinta-feira, 25.08.11
Dias Medievais de Castro Marim

Quem disse que as viagens apenas se podiam fazer no espaço? De 25 a 28 de Agosto viaje até à Idade Média, à descoberta da mais longa e fascinante época histórica da humanidade. Deixe o telemóvel, o computador e o stress da vida contemporânea em casa e entre na máquina do tempo, em direcção a Castro Marim. 

A história deste concelho, um dos mais antigos do Algarve, perde-se nas brumas do tempo e remonta à época em que romanos, celtas e árabes a ocuparam, tendo construído fortalezas e castelos para defender a terra. Lugar de indescritíveis encantos, beleza e histórias, o concelho de Castro Marim foi há muito eleito reino encantado.

O castelo de Castro Marim, guardião da paisagem, foi cenário de actos heróicos e trágicos. Erguido pela vontade de um rei, as suas pedras mudas resistiram ao olhar do tempo e as paredes silenciosas ainda guardam o eco de batalhas sangrentas. Classificado como monumento nacional, situa-se num ponto cimeiro da vila e todos os anos, na última semana de Agosto, é palco dos Dias Medievais, o­nde os mais de 50 mil visitantes podem conhecer a vida quotidiana de então, recriada com todo o rigor mas muita imaginação.

Neste evento, já na sua 14ª edição, o variado programa cultural, lúdico e gastronómico promete divertir miúdos e graúdos. Durante quatro dias e noites plenos de mistério e magia, o passado medieval da vila de Castro Marim vai ganhar vida e forma dentro e fora das paredes ancestrais do castelo. Temíveis guerreiros com armaduras reluzentes, misteriosos engolidores de fogo e encantadores de serpentes, bobos bem humorados, altivos reis e rainhas, belas princesas e poderosos nobres, inspirados trovadores e enigmáticos malabaristas vão desfilar por este sonho com tempo e lugar marcados.

Nesta verdadeira aula de História ao vivo, os emotivos torneios a cavalo e as provas de falcoaria vão deixar todos com os olhos abertos de espanto. A exibição dos instrumentos de punição e tortura no paiol do castelo vai provocar em todos um arrepio e uma sensação de conforto por se viver numa época civilizada. A animação de rua com almocreves, trovadores, cuspidores de fogo, espadachins e contorcionistas promete momentos de magia e os irresistíveis e longos banquetes servidos com iguarias da época, ao som de música, farão esquecer o fast food num instante.Na feira e mercado medievais, dezenas de artesãos vão recriar ao vivo os ofícios e profissões da época, como o de padeiro, farmacêutico, boticário, tosador, barbeiro, ferreiro, peleiro e tecedeira. 

Nesta fascinante viagem pela Idade Média, também conhecida como uma longa noite de mil anos, é de olhos bem abertos que se começa a sonhar. No último dia, todos os participantes despedem-se da Idade Média, para regressarem, com alguma pena, ao século XXI e à realidade.
Via CM de Castro de Marim


publicado por olhar para o mundo às 18:41 | link do post | comentar

Terça-feira, 26.07.11
Os especialistas aconselham duas ou três peças de fruta diárias durante o VerãoOs especialistas aconselham duas ou três peças de fruta diárias durante o Verão (António Pinto)

Com o Verão e o calor, a falta de apetite aumenta entre muitas crianças. E é frequente ver adultos a forçá-las ou a tentar convencê-las a comer as quantidades que eles consideram adequadas. “Mas o apetite não é normalizado”, varia de pessoa para pessoa e de criança para criança e “não são os pais que devem normalizar o apetite das crianças” afirma a médica Isabel do Carmo, especialista em comportamento alimentar.

 

O importante é que os adultos procurem que a criança ou o adolescente “coma com qualidade” em porções consideradas “razoáveis”. Usando a persistência, mas sem ansiedade. “Em geral, o apetite tende a regular-se biologicamente de forma natural”, nota Pedro Teixeira, da Sociedade Portuguesa para o Estudo da Obesidade. Para contrariar este problema sazonal em vez de obrigar a comer, será preferível “adequar as refeições à estação com alimentos mais frescos e com mais água”, considera.

A ideia de que comer bem é comer muito ainda subsiste em muitos meios, sobretudo entre as pessoas mais velhas e que passaram fome, refere Isabel do Carmo. Mas é preciso contrariar esta convicção no âmbito de uma educação para a saúde. “O apetite não está normalizado”, explica a especialista, considerando que é um erro obrigar os mais novos a comer. “Tem é de se saber por que não querem comer” para despistar doenças do comportamento alimentar, como a anorexia nervosa, diz. E “oferecer-lhes os alimentos que eles mais gostam”.

Um estudo realizado em 2009 pela Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, revela que, apesar das boas intenções dos pais quando tentam obrigar os filhos a comer vegetais ou a “limpar o prato”, e não deixar comida, esta atitude não é aconselhável. 

Segundo o autor desse estudo, Brian Wansink, quanto mais os pais insistem com os filhos para comer de forma saudável, mais estes preferem alimentos menos saudáveis. 

O investigador recomenda que os pais ofereçam às crianças quantidades moderadas, mas variadas, de comida, encorajando-as a experimentar diferentes tipos de alimentos e deixando-as decidir que quantidades querem consumir. 

Uma alimentação em excesso com a consequente energia extra que se vai acumulando pode contribuir para que a criança se torne num adolescente obeso, alertam os nutricionistas. A hora da refeição deverá ser um momento de prazer e não de tensão e de angústia, salientam. 

O essencial é que a criança coma bem, ainda que pouco: dois ou três copos de leite por dia que podem ser substituídos por iogurtes, duas ou três peças de fruta diárias, além de vegetais. A carne e o peixe não devem ser consumidos em grandes quantidades e não devem falhar os hidratos de carbono, recomenda Isabel do Carmo. 

Refeições leves ao almoço

Durante as férias, tal como os adultos, muitas crianças preferem almoçar na praia e portanto fazer refeições muito mais leves ao almoço. Nestes casos, é essencial comer um bom pequeno-almoço, consumir pequenos lanches de sandes e de fruta durante a tarde e desfrutar do sol e do mar. 

Isabel do Carmo nota também a importância das regras e da disciplina relativamente aos horários das refeições, salientando que estas devem ser realizadas em família em contextos de socialização, o que – está provado – “traz benefícios para a saúde”. 

A alimentação é, sobretudo “um hábito” que se ganha desde tenra idade – sublinha - notando que é mais fácil incutir o hábito de consumo de determinados alimentos, oferendo-os repetidamente às crianças logo de pequeninas, do que mais tarde ter de mudar as más práticas adquiridas.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 17:04 | link do post | comentar

Sexta-feira, 22.07.11
Patrícia Carvalho estreou-se nas caminhadas pela montanha com 35 quilómetros em dois dias. Sofreu um bocadinho, é verdade, mas as paisagens inesquecíveis das Astúrias, com desfiladeiros fantasmagóricos e prados com tapetes de verde fresco, compensaram todas as dores nas pernas. Uma longa caminhada pelos Picos da Europa.

Mesmo que a perspectiva de chuva nos deixe o sobrolho um pouco mais franzido. Não há-de ser nada. Dissemos que sim, que íamos experimentar fazer duas caminhadas em dois dias nos Picos, depois de nos garantirem que a maior parte dos participantes já tinha passado os 50 e que as caminhadas eram fáceis apesar de a primeira ser bastante longa.

"Mas não tem grandes desníveis, é planinha", dissera o senhor Freitas. Acreditámos, calçámos as botas, metemos o impermeável na mochila, ao lado do chapéu e do protector solar, vestimos uma camisola polar por cima da t-shirt (porque, se não sabemos muito sobre os Picos da Europa sabemos, pelo menos, que o tempo lá em cima muda de forma brusca) e juntamo-nos ao grupo. Não há-de ser nada, suspiramos.


Poncebos Caín Poncebos | 24 km

A primeira parte do caminho não custa nada: é de camioneta. De Cangas de Onís até Poncebos, com uma breve paragem em Arenas de Cabrales, para algumas pessoas comprarem mantimentos para o dia, vamos confortavelmente sentados, a observar a paisagem pela janela. O caminho é uma amostra perfeita das Astúrias.

Verde e mais verde, a desenrolarse em prados molhados e nas encostas de montanhas enrugadas, encavalitadas umas sobre as outras. Pequenos povoados de casas de dois pisos e sardinheiras a enfeitar varandas e janelas. Rios baixos de seixos redondos e águas límpidas a cortar os campos.

 

Em Arenas de Cabrales ninguém arrisca abastecer-se do produto que tornou a localidade "mundialmente conhecida", conforme garante uma das brochuras distribuídas no posto de turismo local o queijo. Diz-se dele que é forte e muito, muito mal cheiroso. Para nós, a vila é usada pela sua outra característica mais famosa, a de ser "uma das principais entradas dos Picos da Europa, um dos parques nacionais mais visitados em Espanha", como elucida a mesma brochura.

 

A pé pelos Picos da Europa

 

Apesar de nos termos levantado às 7h30, só começamos a caminhar três horas depois e, por essa altura, já toda a gente está ansiosa por pôr os pés ao caminho.

 

A camioneta deixa-nos perto do início do trilho, e logo ali, refastelado na berma da estrada, junto a um sinal de perigo com a imagem de pedras a desprenderse da rocha (e que irá ser uma companhia constante ao longo de todo o trilho), está um rebeco, espécie de cabra montês, que é também o símbolo dos Picos da Europa. Deixa-se estar, impassível, enquanto passam por ele os primeiros grupos de caminheiros.

 

O mesmo faz outro membro da espécie, quando espreitamos o rio Cares, verde-azul-turquesa, a correr a umas dezenas de metros abaixo do nível da estrada. O rebeco olha-nos, patas assentes na encosta escarpada como se fosse uma planície, e não se mexe um milímetro.

 

Começamos a andar, cheios de energia, e vamos em frente, por onde o caminho é plano. Mas o senhor Freitas chama-nos, com um grito. "Ei, é por aqui. Temos de estar atentos aos sinais." Nós temos desculpa. Afinal, ele dissera que o caminho era longo mas planinho e o sítio por onde quer que nos embrenhemos é uma estrada estreita de pedra, que sobe numa inclinação um pouco aflitiva. E que tem na base uma grande placar a avisar "Atenção! Rota Perigosa. Desprendimentos e queda de pedras em todo o percurso, ao longo de barrancos sem protecção lateral. Proibido circular de bicicleta." Ora bem.

 

Ver Texto Completo no PÚblico



publicado por olhar para o mundo às 17:15 | link do post | comentar

Quinta-feira, 21.07.11

Praias de sonho em Portugal

O calor a apertar, a vontade de praia a despertar... Para começarmos a aquecer os motores para a grande Operação Fugas de Verão, recordamos cinco praias portuguesas algo afastadas de multidões e naturalmente belas na sua diversidade: uma no Norte, uma no Sul, uma na Madeira, uma nos Açores e ainda uma praia fluvial.

MAIS fugas/praias


Praia do Castro de São Paio | Fora do mundo, à beira-mar

{Labruge, Vila do Conde, 28km a norte do Porto}
...Se piscássemos os olhos, perdíamos a praia, um pequeno areal, meia-lua de pele rochosa - e um mar que chega saltitando rochas também, para se adormecer em terra...


por Andreia Marques Pereira, 12.06.2010


Granja do Tedo | Entre lendas
{Tabuaço, Viseu, a 153km do Porto}
...nestas coisas há sempre segredos: e na Granja do Tedo chama-se Poço de Ferro...
por Andreia Marques Pereira, 12.06.2010


Algarve | Tavira | Terra Estreita | Atrás do biombo das dunas
{Algarve, Santa Luzia, Tavira - acesso por barco da carreira regular}
...convida a respirar fundo para melhor sentir o cheiro que anda no ar, ao caminhar no passadiço sobre as dunas - o biombo atrás do qual se esconde o mar...


por Idálio Revez, 12.06.2010


Garajau | A primeira reserva marinha exclusiva de Portugal
{Costa sul da Madeira, Santa Cruz, entre o aeroporto e o Funchal}
...A temperatura da água anda na ordem dos 24º nesta praia "vigiada", no topo de uma colina que se precipita em ravina em direcção ao mar, pela imponente estátua do Cristo Rei...
por Tolentino da Nóbrega, 12.06.2010


Ferraria | Elogio do que é pequeno
{Açores, costa oeste de São Miguel, Ponta Delgada, perto de Ginetes}
...O que distingue este local de todos os outros - tem um pôr do sol magnífico - é a elevada temperatura atingida pela água do mar numa piscina natural...
por Carlos Pessoa, 12.06.2010


+ E ainda na FerrariaO spa das águas milagrosas por Luís Maio, 08.05.2011

 

Via Fugas



publicado por olhar para o mundo às 08:46 | link do post | comentar

Domingo, 17.07.11

Estão cada vez mais  na moda. Frescos, criativos e surpreendentes, eis sete sugestões de cocktails para fazer em sua casa

 

Eles estão por todo o lado. As listas de cocktails nos bares ou restaurantes são cada vez mais variadas e divertidas. Não há melhor garantia para um bom começo de noite. Para quem se quer aventurar a fazê-los em casa, a tarefa não é complicada. Mais clássicos ou mais criativos, com álcool ou sem álcool, o mais importante para o sucesso de um cocktail é procurar explorar sensações através dos vários sentidos. Aos ingredientes frescos e de boa qualidade junta-se muito gelo e uma generosa dose de simpatia e boa disposição durante a preparação.

Miguel Tojal, especialista em cocktails e responsável pelo projeto Ás de Copos, assegura que "esta bebida vive da forma como é servida". Para este jovem empresário de 26 anos, é fundamental "ir levantando ligeiramente o véu e dar um bocadinho de show off, sem cair no ridículo, para que o cliente ou amigos, à medida que assistem à preparação da bebida, fiquem cheios de vontade de a experimentar". Para o bar manager do Hotel Ritz, Ricardo Felgueiras, o mais importante é surpreender sempre, mesmo na bebida mais comum, como uma caipirinha ou um mojito. Por isso aventure-se e siga as sugestões destes especialistas. Frescos, imaginativos, com cheiro, cor e às vezes até textura, os cocktails prometem refrescar e animar o verão, que está já aí à porta.

Sugestões da Ás de Copos

 

Oportunidades não vão faltar para os experimentar: o Delta Tejo e Festival Sudoeste TMN fazem parte da temporada de verão desta empresa. Se passar por algum destes pontos, não deixe de experimentar os cocktails do Ás de Copos

 

Sai um cocktail!
 
 

Tangerinosca Afrodisíaca

 

2 gomos de tangerina

2 gomos de lima

2,5 cl de rum

2,5 cl de vodka

2,5 cl de xarope de açúcar branco ou amarelo

Técnica: Misturar tudo no shaker, coar duas vezes e juntar a bebida Pheromones - Yxaiio (afrodisíaca, à venda nas lojas da especialidade) até ao cimo
Decoração: Gomo de tangerina ou rodela de lima e de tangerina
Tempo de preparação: 6/8 min

 

Sai um cocktail!
 
 

Tom Collins

 

de Coentros

2 a 3 ramos de coentros

2 cl de xarope de açúcar

2 cl de sumo de limão natural

6 cl de gin

Técnica: Macerar os coentros com açúcar, misturar tudo no shaker, coar bem e juntar água com gás até ao cimo
Decoração: Ramos de coentros
Tempo de preparação: 4/5 min

 

Sai um cocktail!
 
 

Vodka Collins Pimento

 

1 fatia de pimento

2 cl de xarope de açúcar branco ou amarelo

3 cl de sumo de limão natural

6 cl de vodka

Técnica: Agitar tudo no shaker, coar bem e juntar água com gás até ao cimo
Decoração: Rodela de pimento
Tempo de preparação: 4/5 min

 

Sai um cocktail!
 
 

Green Tequilla

 

1/2 kiwi

1,5 cl de xarope de açúcar branco ou amarelo

3 folhas de manjericão

5 cl de tequilla

2,5 cl de sumo de limão

Técnica: Macerar manjericão com kiwi e açúcar, misturar no shaker e coar bem
Decoração: Rodela de kiwi ou folha de manjericão
Tempo de preparação: 6/8 min

Sugestões do Hotel Ritz

 

Se ficar por Lisboa nos meses de verão, num ritmo workaholic, vá até ao bar do Hotel Ritz. Nas quintas e sextas-feiras, das 18h às 21h, o novo conceito Ritz Lounge é fresco e descontraído. Acompanhe os canapés do chefe, com os surpreendentes cocktails do dia.

 

Sai um cocktail!
 
 

Fruit Symphony

 

(sem álcool)

4 cl de sumo de maçã

4 cl de sumo de ananás

4 cl de sumo de morango

4 cl de sumo de manga

Técnica: Agitar tudo no shaker, coar bem e acrescentar um topping de morango
Decoração: Espetada de morango e ananás
Tempo de preparação: 3/4 min

 

Sai um cocktail!
 
 

Prime Tentation

 

4 cl de Pama (licor de romã)

1 cl de sumo de limão

1 cl de xarope de açúcar

1 cl de Cointreau (licor de laranja)

1 cl de clara de ovo

Técnica: Misturar tudo no shaker e coar bem
Decoração: Cacho de arando e ramo de hortelã
Tempo de preparação: 7/8 min

 

Sai um cocktail!
 
 

Red Emotion

 

1 morango

2 amoras

1 framboesa

3 gomos de lima

4 cl de Bacardi

Técnica: Macerar os frutos, agitar tudo no shaker, coar bem, adicionar gelo picado e juntar Água Castelo até ao cimo
Decoração: Rodela de lima, amora e framboesa
Tempo de preparação: 7/8 min

Publicado na Revista Única de 10 de Junho de 2011

 



Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 12:56 | link do post | comentar

Quarta-feira, 13.07.11

“Be Happy Be Sexy” marca os anos 40 na praia da Comporta“Be Happy Be Sexy” marca os anos 40 na praia da Comporta

O Comporta Café, em Tróia, irá realizar a festa de praia“Be Happy Be Sexy” no dia 16 de Julho. O tema da festa será um revivalismo dos anos 40. A festa, localizada na praia da Comporta junta ao estuário do rio Sado, terá a presença de várias “pin-ups” em trajes de banho.

 

Na praia haverá uma sonoridade que remistura o house e techno ao soul, R&B e jazz, contando com o nova-iorquino DJ Mr. V e o português Dj Richard Love.

 

DJ Mr. V, produtor e misturador, começou a passar música desde os 14 anos nos anos 70. O artista marcará a festa com as suas remisturas originais influenciadas pelo hip-hop e os clássicos da música “disco sound”.

 

O portuense DJ Richard Love junta-se, novamente, a MC Grace para uma actuação que promete ser animada. A dupla faz uma fusão da música electrónica com uma voz [MC Grace] que remete ao soul americano.

 

“Be Happy Be Sexy” será uma festa, com produção UAU, que junta o “vintage” com o Verão em que o único objectivo é pôr as pessoas a dançar no areal da península de Tróia.

 

Via HardMusica



publicado por olhar para o mundo às 08:15 | link do post | comentar

Domingo, 03.07.11
Tróia, a 'Vilamoura dos tempos modernos'
O presidente da Turismo do Alentejo apelidou hoje a Península de Tróia como a «Vilamoura dos tempos modernos» no panorama turístico português, destacando a sua «qualidade» e o desenvolvimento que vai criar na região.

«É a Vilamoura dos tempos modernos no panorama turístico português e não tenho dúvidas de que será uma grande aposta de qualidade», disse António Ceia da Silva, em entrevista à agência Lusa.

 

Para o responsável, a Península de Tróia «irá trazer atrás de si desenvolvimento global de todo o território do Alentejo, porque toda a região (distritos de Portalegre, Évora e Beja) irá beneficiar pelo facto de poderem vir turistas atraídos pela qualidade das praias do Alentejo», sublinhou.

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo considera que o litoral alentejano tem, actualmente, na Península de Tróia, um «destino turístico de excelência».

 

«A Península de Tróia tem hoje uma qualidade fantástica e terá que ser considerada, desta forma, um destino turístico de excelência», declarou.

Considerada por Ceia da Silva como uma das «grandes apostas para este verão» por parte da entidade que tutela, a Península de Tróia tem ainda outras valências para serem exploradas, uma vez que a região «não se esgota no mar».

 

«A Península de Tróia tem uma qualidade de oferta muito considerável, tem uma beleza paisagística enorme, não se esgota no mar», afirmou.

Para sustentar estas afirmações, o presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo sublinhou que a Península de Tróia possui ainda «ruínas romanas, campo de golfe, uma potencialidade enorme para desportos náuticos e observação de golfinhos».

 

Via Sol



publicado por olhar para o mundo às 10:28 | link do post | comentar

Quarta-feira, 29.06.11
Grandes viagens
Um muito completo circuito na Guatemala, El Salvador e Nicarágua com guia sábio no tema (o jornalista Carlos Carneiro)? Visitar as tartarugas de Cabo Verde ou mergulhar nas maravilhas da Indonésia ou Zanzibar? Volta aos parques da Tanzânia? Ou, algo mais caseiro, como um profundo passeio pelo Gerês? Ideias para umas férias em grande pelo mundo.

Guatemala, El Salvador e Nicarágua


História, cultura, uma boa dose de aventura e ainda acções sociais em zonas rurais onde poderá conhecer de perto a vida dos seus habitantes, são os ingredientes principais desta viagem de 17 dias pela Guatemala, El Salvador e Nicarágua, que tem como guia o jornalista e viajante Carlos Carneiro. Destaque para a visita à cidade colonial e Património Mundial de Antigua, vulcão Pacaya (última erupção em 2010), o colorido mercado de Chichicastenango e o mágico Lago de Atitlan, na Gualtemala. Já em Perquin, uma pequena e acolhedora aldeia de montanha, conhecida como a capital guerrelheira de El Salvador, vai ouvir falar de guerra e de paz, pela boca de um ex-guerrelheiro da FMLN. Finalmente na Nicarágua, o programa reserva-lhe a visita a León, cidade colonial que alberga a maior catedral da América Central, a idílica ilha de Ometepe, um santuário ecológico, onde pode fazer mergulho, passeios a cavalo, caminhadas, avistar aves, macacos e crocodilos e para terminar a charmosa cidade de Granada, com quase 500 anos de história. Preço: desde 2280 euros por pessoa em quarto duplo, com transporte aéreo e terrestres, alojamento em hotéis e casa familiar, algumas refeições, passeios e contribuição para material escolar. Próxima data de partida: 5 a 21 de Agosto.
www.nomad.pt


Tanzânia | Vinte Mil Léguas no Indico
São 14 dias de viagem, com cinco dias em camping Safari e quatro noites em Zanzibar. A viagem foca-se nas maravilhas da  Tanzânia, terra de planícies, lagos e montanhas com uma estreita franja costeira  (mas o maior país da África Oriental), onde a grande atracção (mas não única) são parques de vida selvagem com o Kilimanjaro a coroar o horizonte. O roteiro cruza os esplendores naturais dos parques do Serengeti e Tarangire, oferecendo os cenários inesquecíveis do Lago Manyara e das crateras de Nogongoro. Em Zanzibar, com estada em ecoresort, tem a possibilidade de descobrir outras maravilhas, as subaquáticas, com snorkelling e mergulho. A próxima partida é a 16 de Julho. Preços desde 2236€ + 1100€ (voo).
www.papa-leguas.com

Cabo Verde | Observação de tartarugas
Esta viagem proporciona a descoberta da ilha da Boavista, considerada a mais hospitaleira de Cabo Verde, berço da morna e com praias que vale a pena desfrutar e também viver uma aventura inesquecível para toda a família, a observação de tartarugas marinhas. Partidas de Lisboa todos os domingos até 25 de Setembro, voo, taxas e estadia de sete noites no hotel e regime escolhido. Preço: a partir de 671 euros por pessoa.
www.terraafrica.pt

Nepal e Butão | Reino dos Himalaias
Esta viagem de 12 dias ao coração dos Himalaias, oferece ao viajante aventura, paisagens de uma beleza incomparável, exotismo, lendas inimagináveis, contemplação e paz. Percorra as montanhas do Nepal e do Butão, observe os cumes permanentemente gelados dos Himalaias e a vastidão da maior cordilheira montanhosa do mundo, conheça os seus templos e mosteiros sagrados e cidades milenares. Destaque no itinerário para a visita a Katmandu, a capital do Nepal, -  onde não pode perder algumas atracções, como a Praça Durbar, os templos de Taleju, Sgiva, Narayan e Krishna - Patan, cidade das artes e um dos maiores centros de peregrinação da Ásia e Punakha, antiga capital do Butão. O preço ronda os 3160 euros por pessoa e inclui a passagem aérea, taxas, nove noites em hotéis, 10 refeições, vistos e taxas de turismo no Butão e visitas com guias.
www.lusanovatours.pt

Islândia | Desafio Viking
Prepare-se para viver algumas aventuras fantásticas com o programa "Desafio Viking", proposto pela Nordictur, numa viagem de sete dias que o leva até à Islândia, terra do fogo e do gelo. Destaque para algumas visitas e actividades: Parque Pingvellir, Geyser e queda de água Gullfoss, passeio de rafting nos emocionantes rápidos, passeio a pé pelo Glaciar incluindo escalada no gelo, banhos na Lagoa Azul de águas quentes e termais, passeio a cavalo e cruzeiro para observação de baleias e aves marinhas e para terminar veja porque razão comparam a paisagem da Islândia ao solo lunar, num passeio em motos 4x4. Inclui voos com partidas diárias até Agosto, taxas, guia, alojamento com pequeno-almoço, actividades e algumas refeições. Preço: desde 2190 euros por pessoa.
www.nordictur.pt

Dinamarca | Copenhaga e Parque Legoland
Entre no mundo encantado do Lego, nesta viagem de oito dias, que tem como ponto alto a visita ao Parque Legoland, em Billund. Na construção deste parque de diversões (um dos quatro parques da Lego existentes no mundo), foram usadas mais de 55 milhões de peças de Lego. O itinerário continua pelas cidades de Copenhaga, Roskild, onde vai poder visitar o Museu Viking, um dos mais célebres museus escandinavos e Odense, onde se situa a Casa-Museu de Hans Christian Andersen, autor de numerosos e famosos contos infantis. Avião, taxas, alojamento em hotéis com pequeno-almoço, entradas no parque e aluguer de viatura por quatro dias. Válido até Outubro. Preço: a partir de 1495 euros por pessoa.
www.nordictur.pt

Irlanda | Tesouros irlandeses
Um circuito de oito dias em autocarro de turismo visitando alguns "tesouros" da Irlanda: Belfast, Derry, Sligo, Kylemore, Clifden, Galway, Cork, Kilkenny e Dublin. Inclui a passagem aérea, taxas, estadia em hotéis em regime de tudo incluído, visita a uma destilaria de whisky e fábrica de cerveja. Partidas a 23 e 30 de Julho; 6, 13, 20 e 27 de Agosto. Preço: desde 1580 euros por pessoa.
www.nortravel.pt

Finlândia | Observação de ursos

Deixamos aqui o convite para umas férias no Norte da Europa, dedicadas à vida selvagem com a observação de ursos nas florestas da Finlândia. São sete dias de viagem com estadia em Helsínquia, a capital, onde não deve perder a visita à Catedral Luterana de São Nicolau, a Praça do Senado e do Mercado, o Palácio Governamental, a igreja escavada na rocha de Tempeliaukio e os bairros de arte de Katajanokka e Ullanlinna. A viagem continua para a localidade de Khumo, situada próximo do Circulo Polar Árctico e da fronteira russa, ponto de partida para a observação de ursos castanhos no seu habitat natural, considerados os "reis da floresta finlandesa". O programa contempla ainda a visita ao Centro Natural de Petola, onde pode ver uma exposição dedicada aos animais carnívoros e predadores e um passeio à noite, pela floresta sob o Sol da Meia-Noite. O preço ronda os 1505 euros por pessoa e incluí a passagem aérea, taxas, alojamento em hotéis e em abrigos no Centro de Observação de Ursos, pequenos-almoços, três jantares, um piquenique e tours mencionados.
www.nordictur.pt

Indonésia | Mergulho na Ilha de Sulawesi
A Ilha de Sulawesi, na Indonésia, oferece aos amantes de mergulho, uma costa riquíssima com alguns dos melhores locais de mergulho da Indonésia, com uma diversidade inimaginável de vida aquática, tornando-se também um paraíso mundial para a macrofotografia. A ilha é procurada especialmente por um tipo de mergulhador, os chamados critter hunters, ou caçadores de criaturas, já que esta região esconde alguns dos animais mais exóticos dos mares: peixes mandarins, peixes sapos gigantes, ouriços fluorescentes, cavalos-marinhos pigmeus, entre centenas de outras espécies que provavelmente nunca ouviu falar. Além dos mares não deixe de explorar também as paisagens de montanha, parques nacionais, vulcões, campos de arroz e conhecer um pouco da misteriosa cultura do seu povo, com elaborados rituais fúnebres, búfalos como animais de culto, casas gigantes com formas de barco. O valor a pagar por esta aventura ronda os 2594 euros por pessoa em quarto duplo e inclui a passagem aérea, taxas, sete noites em hotel em regime de pensão completa e forfait de nove mergulhos com material necessário (oito diurnos e um nocturno). 
www.opeixevoador.pt

 

E ainda

Cruzeiro | Danças no Mar
Para quem gosta de cruzeiros temáticos, aqui fica o convite para embarcar no Danças no Mar e entrar no ritmo das danças africanas, salsa, sevilhanas, tango argentino e dança oriental. São três noites a bordo do navio Funchal em regime de pensão completa, transferes grátis de/para Porto e Coimbra, taxas portuárias e espectáculos a bordo. A partida e chegada é de Lisboa, seguindo para Tânger, Málaga e Gibraltar. De 25 a 29 de Agosto. Preço: desde 420 euros por pessoa em ocupação dupla.
www.abreu.pt

Gerês | Férias equestres
Para quem gosta de cavalos e do contacto com a natureza, a Ecotura preparou um programa de férias equestres em território do lobo e dos cavalos selvagens. Durante cinco ou oito dias desfrute de mergulhos em piscinas naturais, banhos de águas quentes termais, passeios a cavalo pela montanha, aulas de iniciação aos cavalos e maneio, piqueniques ao luar com astronomia e merendas no campo com produtos regionais locais. Preço: 375 euros para cinco dias e 570 euros se optar ficar oito dias. Inclui o alojamento em regime de meia pensão e actividades. www.ecotura.com 

 

Via Público

 

 



publicado por olhar para o mundo às 08:21 | link do post | comentar

Sábado, 25.06.11
descrição

 

As festas e Verão rimam sempre bem com as sardinhas. Mas nem sempre elas estão no ponto quando o freguês mais as deseja. Ainda assim, fomos à procura dos melhores lugares para saborear a santa sardinha. Na altura do nosso percurso, não tivemos muita sorte. Mas é ir provando e, se for caso disso, saber esperar. Para já ou para depois, escolhemos dez restaurantes por Lisboa e Porto com fama de as terem como manda a tradição.


Em busca da melhor sardinha

por Duarte Calvão 11.06.2011
Antes das festas do Santo António de Lisboa, Duarte Calvão foi à procura dos melhores lugares na capital para as sardinhas. Não ficou muito satisfeito com a qualidade das ditas mas já se sabe que ela vão melhorando ao longo do mês. Eis cinco restaurantes para pôr a sardinha à prova. 

 

A Norte dizem que "boas, boas, só lá para o S. Pedro"
por José Augusto Moreira 11.06.2011
Andam em cardumes à superfície e dizem que as melhores são as que vêm das águas frescas do Atlântico. É talvez por isso que, esta temporada, as sardinhas se têm feito esperar mais do que o habitual. A "culpa" é das correntes cruzadas, que dizem ser fruto das alterações climáticas. Mas não há festas nem Verão sem sardinhadas. Fomos atrás da sardinha pelo Norte. 

 

Via Fugas

 

 



publicado por olhar para o mundo às 10:08 | link do post | comentar

Quinta-feira, 23.06.11
descrição

 


Não faltam campanhas nas companhias aéreas para voar nos próximos tempos. Para o Verão já não é fácil encontrar pechinchas mas se esperar por Setembro, o caso começa a mudar de figura. Seleccionámos promoções de uma dezena de companhias aéreas. De Faro ao Porto por pouco mais de 10 euros ou Funchal em redor dos 20 por cada voo. Um salto a Barcelona em redor dos 20€ ou um voo a Nova Iorque em redor dos 500€.

TAP

De Lisboa:
Reino Unido: Londres a 65€ (5/10 a 31/12) e Manchester a 81€ (15/9 a 28/12) por voo
Praga: 118€/voo. Viagens de 18/08 a 31/12
Estocolmo: 98€/voo. Viagens de 1/09 1/12
Munique: 75€/voo. Viagens de 9/11 a 31/12
Veneza: 94€/voo. Comprar até 7/7
Zagreb: 102€. Tarifa válida de 22/09 a 29/12
Paris: 63€/voo. De 3/10 a 10/11
A Corunha: 99€/voo. Tarifa válida a partir de 17/09

Lisboa ou Porto
 - Nova Iorque desde 529€ ida-e-volta. Comprar até 30/06, viajar de 22/08 a 30/11

Do Porto:
Zurique desde 103€. Viagens de 4/10 a 24/12
Caracas desde 2482€. Tarifa válida até 28/12


SATA

Lisboa - Funchal
. Ida desde 35€

Lisboa - Ponta Delgada. Ida e volta desde 88,5€
Mínimo de estadia dois dias ou de sábado para domingo.

Lisboa - Açores. Ida e volta desde 88,5€

Porto - Toronto
: 734€ i/v. Para partidas até 04/07 e regresso até 24/07 (menos cerca de 200€ se voar de 14 a 28 Julho e voltar de 21/08 a 28/09)

Faro - Ponta Delgada: 176€ i/v

Faro - Funchal: 213€ 

Ryanair

Até 5.ª, o preço mínimo do bilhete na Ryanair 9,99€ por voo (mais "taxa de administração" de 6€ por voo se não pagar com o cartão pré-pago da MasterCard). Isto para voos em Agosto.

Desta feita, nas rotas lusas há poucas rotas a este valor: Porto - Faro e ainda do Porto a Madrid, Paris Vatry, Tours e Valência. Quase todos os outros voos do Porto e Faro custam entre 20/33€.


easyJet

Lisboa - Barcelona custa desde 19/22€ por voo a partir de Setembro. No Verão paga-se no mínimo 30/40 por voo (e pode mais que duplicar conforme datas)

Lisboa - Funchal por 22/25 mínimos por voo a partir de Setembro. No Verão já ronda os 65 a 97 euros por voo.

Lisboa - Roma: se apontar para o Outono consegue voos desde 27/30 mínimos por voo.

Porto - Genebra: No Outono, fica desde 27/30€ por voo (Lyon também com valores similares

Porto - Milão: no Verão, ainda há alguns voos a 22€ mas o geral é acima dos 50/60€. No Outono desce a 21/22€

[na easyJet paga-se taxa de 8€ por uso de Visa - o cartão de débito Visa Electron não paga taxa]


Transavia

Porto - Nantes desde 45€, Funchal - Porto desde 85€, Porto - Paris desde 40€ - com alguma consegue encontrar alguns voos ao preço mínimo, mas em pleno Verão é mais complicado, a partir de Setembro há mais hipóteses. 

Vueling

O único voo luso da companhia: Lisboa - Barcelona pode encontrar-se a partir de Setembro desde 19,99€ por voo. No Verão ainda encontra algum a 35€ ou pelos 40/45€ mas pode duplicar conforme datas. A partir de Espanha conseguem-se voos para vários destinos por preços similares  

Aer Lingus

Está a promover voos de Lisboa e Faro a Dublin desde €44,90/ida para viajar de 1 de Outubro a 15 de Dezembro.
  

Lufthansa

Em destaque, voos para Joanesburgo desde 654€, Bangalore desde €694 ou Banguecoque desde €774 | Lagos desde 739€ | Calcutá desde 794€. Reservas até 30 de Junho para viajar de Novembro a Março.  

Ainda: Nova Iorque desde 559€, para reservar até dia 30 e voar de Agosto a Março (regresso até Junho 2012)

Pela Europa, Milão continua a 49€/ida e há várias cidades europeias desde 79€/ida: Budapeste, Estocolmo, Londres, Paris, Varsóvia. Reservas até 30/06.

Air Berlin

Os destinos Air Berlin, via Palma de Maiorca, no Verão, não ficam por menos de 50€/voo. Tirando Palma, que tem o preço tradicional de 29,99€ como mínimo, pode conseguir bilhetes mais económicos com escala naquela ilha para várias cidades alemãs desde 64,99€ (na Air Berlin o truque é comprar o mais cedo possível, sendo que já estão à venda voos até Abril)


Iberia

Via Madrid, para Recife ou Fortaleza desde 846€ i/v 

Para Espanha, encontravam-se há momentos voos para Madrid desde 57€ i/v (Lisboa); Barcelona (desde Lisboa) desde 78€; outras cidades espanholas na sua maioria entre 132€ e cerca de 200€.


Air Europa

Lisboa/Porto - Nova Iorque desde 558€ i/v (+ gastos de reserva).Para voar até 26 de Junho e de 22 de Agosto a 7 de Setembro

Desde Madrid, a Air Europa está a promover voos para o México desde - preço por trajecto 404€, Miami a 321€, Nova Iorque a 283€ ou Lima a 493€

(os preços referidos são os preços mínimos)  

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 10:27 | link do post | comentar

Segunda-feira, 20.06.11
Verão no Alentejo, as novidades do ano
O Alentejo prepara-se para um Verão pleno de novidades. Seleccionámos algumas das estrelas turísticas da temporada, tanto para quem quer a tradicional calma da região como para quem não passa sem alta adrenalina. De novo casino a aeroporto, de hotéis 5* a casas zen no campo ou casas design na cidade, de esplanadas de praia a centro de pára-quedismo, de novos museus a novas formas de surfar no Alqueva ou passeios de 300km.

MAIS Fugas | Alentejo: Beja | Évora


Pelos ares

Ferreira do Alentejo | Saltos no Skydive
O primeiro centro internacional de pára-quedismo em Portugal foi inaugurado no final de Maio no aeródromo de Figueira dos Cavaleiros, Ferreira do Alentejo. O Skydive Europe é um projecto da Get High e do pára-quedista Mário Pardo, uma celebridade da modalidade - também por ser considerado o primeiro "base-jumper" português (saltos de prédios, pontes e outras estruturas elevadas com pára-quedas adequado a tal). O centro internacional tem um avião, marcado com o símbolo da Fénix, certificado para a modalidade e a escola garante todo o tipo de aprendizagem para mergulhos aéreos e saltos nas nuvens. O Skydive acolherá equipas em treinos e quer ser palco de campeonatos internacionais de pára-quedismo. Além da qualidade da infra-estrutura do aeródromo, as condições meteorológicas são também consideradas excelentes para a modalidade, permitindo inclusive saltar no Inverno, o que não sucede no resto da Europa. No aeródromo, existe a escola de pára-quedismo Queda Livre, criada por Pardo há mais de uma década e que oferece "formação em pára-quedismo, com os melhores equipamentos e elevada segurança na escola com mais alunos formados em Portugal". Se desejar apenas um saltinho, custa desde 118,90€ - experimente um salto tandem: sensação de queda livre, pura adrenalina; é só escolher o nível, de 3000m, de 4,200m ou de 5000m... (de 118,90€ a 200€).
Monte da Azinheira Grande | Figueira de Cavaleiros | GPS N 38º 04' 29'' - W 08º 14' 04'' | www.skydiveeurope.eu (em construção - www.quedalivre.pt)


Beja | O aeroporto
E falando em altos voos, temos, claro, por fim, o aeroporto alentejano. O aeroporto de Beja foi estreado com um voo em Abril (destino Cabo Verde, promovido pela autarquia de Ferreira do Alentejo) mas só a 23 de Maio recebeuo primeiro voo comercial (de Londres, com muitos convidados e apenas quatro turistas). Agora, há voos todos os domingos Londres Heathrow - Beja, integrados em pacote turístico do operador turístico Sunvil Discovery. Pelo menos até meados de Outubro, podem ver-se os aviões. Posteriormente, poderão abrir-se outros mercados. A Ryanair admitiu já estar aberta a propostas do aeroporto para negociar rotas. Fica a cerca de 12km da cidade, na antiga Base Áerea de Beja, e inclui no terminal um posto de Turismo do Alentejo (aberto aos domingos, dia de voo).
www.edab.pt | Tel.:  284327411 


O Casino

Tróia | O primeiro Verão do Casino 
O casino do Tróia Design Hotel, da Amorim Turismo, vive o seu primeiro Verão, após ter sido inaugurado no primeiro dia do ano. São 4000m2, que incluem mais de 200 máquinas slot e 16 mesas de jogo. Pretende ser um "pólo de dinamização cultural da região" e dispõe de um centro de espectáculos com agenda cheia de concertos e eventos. O grande ponto do arrojo arquitectónico é um ecrã de 170m2 e três esferas multimédia. O centro da animação é o bar central, Estratosphera. Na agenda, há festas com DJ e música ao vivo.  
Casino de Tróia | Tróia Design Hotel | Marina deTróia | Tel.: 265498007 |www.troiadesignhotel.com/casino

Nova hotelaria 5*

 

 

Via Fugas

 



publicado por olhar para o mundo às 08:50 | link do post | comentar

Quinta-feira, 16.06.11

Após três meses de obras, abriu hoje ao público a praia artificial de Mangualde, um investimento privado que promete proporcionar um verão diferente nesta cidade do interior.

Entre miúdos e graúdos, muitos foram os que fizeram questão de ir à Live Beach logo no primeiro dia e experimentar mergulhar na piscina de água salgada com 1.200 metros quadrados e apanhar sol nos 10.856 metros quadrados do areal.

António Carvalho e a mulher vivem em Vila Nova de Gaia, tinham praia mais perto, mas não resistiram à curiosidade de conhecer este projeto da organizadora de eventos portuguesa Live it Well.

"Só faltam as ondas"

 

"Já sabia disto há três meses, vi na televisão. Como estava de férias disse à minha esposa para virmos ver, porque conhecia noutros países e vim ver se era igual", contou, aludindo a uma praia com o mesmo conceito, ainda que "muito maior", na África do Sul.

Na sua opinião, "é muito bom" uma cidade de interior como Mangualde ter acolhido este projeto: "Estou a gostar. O tempo está maravilhoso, a água está maravilhosa. Só faltam as ondas, mas acho que este ano ainda não as vão meter".

"Não é tão real, mas é bom para aqui, porque não há praia perto"

 

O jovem Miguel Santos, que costuma ir para praias de Lisboa, Aveiro e Algarve, pretende agora aproveitar as vantagens de ter água salgada e um vasto areal para jogar à bola na sua terra.

"Não é tão real, mas é bom para aqui, porque não há praia perto", disse o jovem, que estava no areal acompanhado de cinco colegas.

2,5 milhões e 67 colaboradores

 

O administrador da Live it Well, Rui Braga, prometeu que a Live Beach, um investimento que "passou os 2,5 milhões de euros", ficará em Mangualde nos próximos seis anos.

"Contamos com 67 pessoas colaboradoras empenhadas para que funcione e possa vender a experiência de praia num sítio onde ela não existe", frisou, lembrando que haverá animação diária, estando o cartaz musical a cargo do produtor Luís Jardim.

O presidente da autarquia, João Azevedo, mostrou-se satisfeito por, além de ter cumprido os prazos da obra, a Live it Well ter acatado o seu pedido de, "podendo comprar em Mangualde, não comprar fora".

Neste âmbito, disse que foram gastos em Mangualde "milhares e milhares de euros, em areia, madeira, metalomecânica, restauração, hotelaria, vestuário, na piscina, em todos os pormenores" do recinto, o que fortaleceu a economia local.

Praia aberta até 15 de setembro

 

Sublinhou também o facto de um "espaço degradado" ter sido transformado num "espaço que tem dimensão urbana", lembrando que se costumava dizer que "em Mangualde as pessoas se fechavam muito em casa" porque não lhes era dada a possibilidade de estarem juntas.

"E hoje, com um negócio de um privado, temos em Mangualde equipamento moderno para que, dos mais jovens aos mais idosos, possam conviver neste espaço", acrescentou.

A praia estará aberta até 15 de setembro, das 9h às 2h.


Veja a fotogaleria:

 

Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 17:25 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Em Cascais a época balnea...

Scissor Sisters, Gun e Az...

Praia, incêndios e polui...

Em dias quentes há vinhos...

Dias Medievais de Castro ...

Comer com qualidade para ...

A pé pelos Picos da Europ...

Cinco praias portuguesas ...

Os coctails estão na moda...

“Be Happy Be Sexy” marca ...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags



comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
links


blogs SAPO
subscrever feeds