Sábado, 30 de Abril de 2011
O apetite sexual depende de cada mulher durante a gravidez

O apetite sexual depende de cada mulher durante a gravidez

 

Basta anunciar que está grávida para a mulher ser bombardeada com uma avalanche de crenças e crendices. Diante de tanta coisa fica até difícil saber no que realmente acreditar.

Pensando em esclarecer as dúvidas das gestantes, o eBand conversou com o ginecologista Gustavo B. Kröger, obstetra da Genics Medicina Reprodutiva e Genômica, em São Paulo, que não só desmascarou as inverdades que são espalhadas por aí como também deu algumas dicas para as futuras mamães. 

Quando a gestante sente muita azia significa que o bebê será cabeludo.
Mito.
 Azia nos três primeiros meses de gestação são decorrentes do aumento do beta HCG, hormônio produzido pela placenta, sendo que em gestações gemelares esse efeito é maior. Azia da metade da gestação em diante são devidos à ação da progesterona, que aumenta o tempo que o estômago leva para esvaziar, assim como afrouxa as válvulas, favorecendo o refluxo.

Comer chocolate antes da ultrassonografia ajuda na hora de ver o sexo do bebê. 

Mito. A identificação do sexo do bebê é melhor após as 20 semanas da gestação, quando os genitais já estão formados e com um tamanho que permite uma melhor visualização. Se o bebê estiver em uma posição fetal que dificulte a visualização e estiver se mexendo pouco, ingerir alimetos doces estimula a movimentação fetal, sendo que após se movimentar, o bebê pode assumir uma posição que facilite a visualização da genitália. 
  
Comer bolacha água e sal alivia o mal-estar e a salivação.
Verdade. A sensação de mal-estar pode melhorar ao ingerir alimentos leves, como frutas e alimentos com pouca gordura, como é o caso das bolachas de água e sal. 

O formato da barriga diz qual é o sexo da criança. 
Mito. O formato da barriga depende do tamanho do bebê, da posição que ele se encontra dentro do útero, da quantidade de líquido amniótico, do número de bebês, do tamanho e formato da bacia óssea da mulher, e do formato prévio da silhueta corporal da gestante. 

Durante a gestação a mulher sente menos desejo sexual. 
Meio mito, meio verdade. Depende de como a mulher encara o seu corpo durante a gestação e de como a gestação está afetando o seu bem estar e qualidade de vida, pois o desejo sexual está muito mais associado ao estado emocional da mulher do que à gestação. Dessa forma, há algumas mulheres que, inclusive, afirmam sentir mais desejo, enquanto outras, dizem que sentem menos que o normal, provavelmente por estarem desconfortáveis devido às dores lombares e cólicas que podem ocorrer mesmo em gestações normais.
  
A penetração pode machucar o bebê.
Mito.
 O bebê está protegido pelo útero. Em algumas gestaçõeS quando, por exemplo, a placenta está na frente do colo uterino (as chamadas de placentas prévias) ou quando há risco de parto prematuro, a penetração é não é indicada.

Sempre após a relação sexual a mulher sente contrações. 

Mito. Não necessariamente, mas ter relação sexual pode estimular o útero a ter contrações, por isso nas gestações de risco de parto prematuro a relação sexual é contra-indicada.
  
Quando o bebê é grande ele só pode nascer de cesariana.
Verdade.
 Bebês com mais de quatro quilos geralmente nascem por parto cesárea.

Grávidas não podem ter contato com gatos. 
Meio mito, meio verdade. Grávidas devem no começo da gestação colher sorologia para toxoplasmose, doença infecciosa decorrente do contato com frutas e verduras mal lavadas e do contato com as fezes de gato. Se elas ainda não entraram em contato com a toxoplasmose são susceptíveis. Em geral a infecção passa por uma gripe ou resfriado, mas durante a gestação pode acarretar em roblemas como malformações nos bebês. 
  
Se houver risco na barriga significa que o bebê será moreno. 
Mito. A cor da pele ou do cabelo depende da herança genética recebida dos pais. O escurecimento da linha que corre do umbigo para baixo é decorrente de efeitos hormonais da gestação, o mesmo efeito que pode favorecer o aparecimento de manchas no rosto. Por este motivo a grávida deve se proteger do sol e usar protetor para não favorecer o aparecimento das manchas. 
  
Se a grávida soprar a nuca do marido enquanto ele dorme passa o enjoo para ele. 
Mito. Não há nenhuma forma de se passar enjoo para alguém. O enjoo melhora com alguns cuidados, como evitar muito sal e alimentos gordurosos, evitar deitar logo após a refeição, não consumir chá, café e chocolate. 

A grávida não deve passar sabonete nem hidratante nos mamilos. 
Mito. A gestante pode passar sabonete e hidratante nos mamilos, mas deve usar o menos possível, evitar banhos muito quentes e muito prolongados, pois gestantes são mais sujeitas a desenvolver irritação na pele.
  
Os batimentos cardíacos do bebê aceleram quando a mãe fuma. 
Verdade. Após a mãe fumar, a nicotina passa para o bebê, o coração desse acelera e tende a se movimentar menos. O fumo na gestação está associado a abortamentos, malformaçoes fetais, menor peso ao nascimento e mais partos prematuros. 
  
A mulher deve tomar bastante cerveja escura para ter mais leite. 
Mito. Havia na Inglaterra, antes da Segunda Guerra Mundial, um tipo de cerveja chamada Stout, na qual era adicionada lactose, o açúcar do leite, a "milk stout". Por esse motivo surgiu o mito, porém não tem fundamento nenhum. 
  
Ficar sem se alimentar aumenta o enjoo.
Verdade. Se a gestante ficar sem comer por muito tempo pode aumentar o enjoo e mal-estar. É importante que a gestante se alimente de maneira frequente, com refeições leves e com pouca gordura.
  
Mulheres grávidas de gêmeos só podem ter relações sexuais até o sétimo mês de gestação. 
Mito. Gestações gemelares apresentam maior risco de prematuridade. Em geral, as gestantes não se sentem confortáveis para ter relação pelo maior desconforto causado pelo tamanho da barriga. No entanto, não há uma data certa para se proibir ter relações sexuais independente do número de bebês, e sim o conforto e o risco de parto prematuro de cada gestação. 
  
Não se pode tomar nada diet durante a gravidez. 
Meio mito, meio verdade. Alguns estudos com animais mostraram que uso de adoçantes pode estar associados a malformaçoes nos bebês, mas ainda não há pesquisas suficientes para poder proibir o uso. É de bom senso evitar alimento diet, se possível. 

Pele de grávida mancha se ficar exposta ao sol. 
Verdade. Pode manchar mais que o normal, pois as alterações hormonais associadas à gestação favorecem o aparecimento de manchas. 

Durante a gestação o cabelo da volta ao estado natural independente de qualquer tratamento que a mulher tenha feito. 
Mito. O que acontece é que alguns tratamentos capilares não podem ser feitos na gestação, assim as mulheres tendem a apresentar o estado natural do cabelo. 
  
Durante a amamentação não há risco de engravidar. 
Mito. Geralmente esse efeito acontece apenas nos três primeiros meses após o parto e se a alimentação do bebê for por amamentação exclusiva, mesmo assim não há garantias de que a mulher não engravide um mês após o parto. O mais recomendado é que a gestante converse com seu obstetra para associar algum anticoncepcional.

 

Via Eband



publicado por olhar para o mundo às 21:03 | link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
posts recentes

Morreu Eusébio

Unesco consagra Dieta Med...

Morreu Nelson Mandela: A ...

Alejandro Sanz: 'A música...

Dulce Félix vice-campeã e...

Teatro, Festival de Almad...

Festim recebe Kimmo Pohjo...

Curta portuguesa entre as...

ARRISCA DEZ ANOS DE PRISÃ...

Maioria das mulheres alem...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links
blogs SAPO
subscrever feeds