Segunda-feira, 10 de Outubro de 2011
Viaturas da Empresa de Electricidade da Madeira transportam ilegalmente eleitores

Viaturas da Empresa de Electricidade da Madeira (EEM) estão a transportar ilegalmente eleitores para as mesas de voto no concelho da Calheta, acompanhados de autarcas. “A situação é grave e por isso já solicitámos a intervenção da PSP para por termo a esta irregularidade”, declarou ao PÚBLICO o juiz Paulo Barreto, delegado da Comissão Nacional de Eleições (CNE) na região.

 

Esta situação anómala tem sido registada em anteriores actos eleitorais em que os partidos da oposição se têm queixado não só do transporte condicionado de eleitores em viaturas do governo madeirense e de empresas públicas regionais, particularmente da Empresa de Electricidade, como também o acompanhamento dos votantes até as mesas de voto por parte de membros das juntas de freguesia. Em relação a esta empresa, a respectiva comissão de trabalhadores tinha denunciado, em plenário realizado na semana passada, a utilização abusiva de recursos da EEM na propaganda partidária durante a campanha eleitoral e no transporte de eleitores, num momento de dificuldades financeiras que levou a empresa a restringir direitos adquiridos pelos trabalhadores.

Com excepção deste caso, que até agora não tinha sido objecto de queixa por parte de qualquer partido concorrente, o acto está a decorrer com normalidade, adiantou Paulo Barreto. O representante da CNE no arquipélago adiantou que apenas tinha recebido pedidos de esclarecimento do Estreito de Câmara de Lobos e Curral das Freiras, onde funcionam mesas de voto nos centros cívicos das respectivas localidades, num espaço aberto onde estão funcionários das juntas de freguesia estão a ajudar os eleitores.

Com encerramento marcado para as 19h, estão a funcionar 270 mesas de voto, pelas quais se distribuem os 256.481 eleitores recenseados, mais 24 mil do que nas eleições regionais antecipadas de 2007. Concorrem nove partidos, um número recorde na região, que apresentaram 845 candidatos, entre efectivos e suplentes. Para a X Legislatura da Assembleia Legislativa da Madeira são hoje eleitos 47 deputados.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 00:13 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Morreu Eusébio

Unesco consagra Dieta Med...

Morreu Nelson Mandela: A ...

Alejandro Sanz: 'A música...

Dulce Félix vice-campeã e...

Teatro, Festival de Almad...

Festim recebe Kimmo Pohjo...

Curta portuguesa entre as...

ARRISCA DEZ ANOS DE PRISÃ...

Maioria das mulheres alem...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links
blogs SAPO
subscrever feeds