Sábado, 14 de Janeiro de 2012

Serão a Google e a Apple capazes de mudar a forma como vemos televisão tal como revolucionaram o universo das comunicações móveis?

 

A forma como vemos televisão deverá começar a mudar a partir de 2012, agora que a gigante norte-americana da Internet e a dona do iPad e iPhone estão decididos a lançar os seus próprios modelos de smart TV.

Se é verdade que até ao verão a maioria das televisões à venda nos EUA já terão instalado o Google TV - que permite aceder à Internet e instalar 150 aplicações desenvolvidas à medida dos internautas-telespectadores -, não será menos verdade que a Apple estará a construir o seu próprio aparelho de 55 polegadas, com o design e a facilidade de uso que caracterizam os produtos com a marca da maçã.

Até ver, tudo indica que a Google segue na frente. Esta semana em Las Vegas, EUA, naquela que é considerada a maior feira de eletrónica de consumo do mundo, a CES , a tecnológica coreana LG apresentou a primeira smart TV com uma interface Android, o sistema operativo mais usado em nos telemóveis de última geração.

Deverá ser por aqui, isto é, através do recurso a interfaces bem conhecidas que possam proporcionar aos telespectadores uma experiência mais interativa, que estes poderão despertar para as smart TV.

Interatividade procura-se

 

Para o especialista em tecnologia Nic Newman, citado pelo "The Independent", "as smart TV não estimularam o grande público em 2011, em parte por não proporcionarem experiências interativas".

Os Jogos Olímpicos (que a BBC irá cobrir com 24 canais de vídeo adicionais) e o Europeu de futebol, ambos agendados para o próximo verão, deverão impulsionar a aquisição deste tipo de aparelhos, pelo menos no Reino Unido, onde 10% dos consumidores já têm uma smart TV. Então e a Apple?

A empresa criada por Steve Jobs, que antes de morrer disse ao seu biógrafo Walter Isaacson que sonhava criar um "televisor integrado", também estará a tratar de tornar realidade a vontade do co-fundador.

Uma equipa liderada pelo designer Jonathan Ive (um dos principais responsáveis pelo sucesso do iPod), já estará a construir o protótipo que deverá ter um ecrã multitoque e um sistema de reconhecimento de voz semelhante ao Siri do iPhone 4S.

No futuro, Nic Newman acredita que as estrelas do pequeno ecrã verão o seu mundo tomado de assalto por empresas como a Google a Apple que irão criar uma nova forma de ver televisão.

 

GOOGLE TV EXPLICADA PELA GOOGLE

Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 17:16 | link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
posts recentes

Morreu Eusébio

Unesco consagra Dieta Med...

Morreu Nelson Mandela: A ...

Alejandro Sanz: 'A música...

Dulce Félix vice-campeã e...

Teatro, Festival de Almad...

Festim recebe Kimmo Pohjo...

Curta portuguesa entre as...

ARRISCA DEZ ANOS DE PRISÃ...

Maioria das mulheres alem...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links
blogs SAPO
subscrever feeds