Terça-feira, 24.04.12

Mourinho torce pelo Chelsea


José Mourinho espera que o Chelsea elimine o Barcelona nas meias-finais da Liga dos Campeões, no jogo que se realiza hoje (19h45) em Camp Nou.


“Se fosse o Barcelona com o Milan ou o Arsenal, seria indiferente, mas quando se trata do Chelsea ou do Inter toca-me. Não o escondo: gostaria que a sorte saísse ao Chelsea”, disse o treinador do Real Madrid, na conferência de imprensa de antevisão da outra meia-final, entre o Real e o Bayern Munique, agendada para quarta-feira.

O técnico português defendeu ainda que a sua equipa merece estar na final e que os jogadores estão tranquilos para o jogo com o Bayern, depois da derrota por 2-1 na primeira mão.

“Não tenho tido muita sorte nas meias-finais. Perdi uma com um golo que não existiu, porque a bola não entrou [Chelsea-Liverpool em 2005], perdi outra nos penáltis [Chelsea-Liverpool em 2007], que é uma questão de sorte, e na temporada passada perdi da maneira que todos se lembram [Barcelona-Real Madrid]. Espero ganhar esta, apesar de termos perdido o primeiro jogo com um golo em fora-de-jogo”, disse Mourinho, acrescentando, no entanto, que “o árbitro esteve bem mas se enganou”.

O português qualificou ainda o embate com o Bayern como uma “final antecipada” e voltou a dizer que nem sempre a melhor equipa vence a Champions.

Mourinho deixou ainda a ideia de que permanecerá no Real Madrid na próxima época, apesar de praticamente todas as semanas surgirem notícias do interesse de outros clubes,

“Tenho contrato e não há nenhuma razão para que não continue. Quando fizermos o último jogo, falaremos com os jogadores e os dirigentes e veremos o que é melhor para todos. Mas aqui o importante são os jogadores”, acrescentou o treinador.

 

Via Público

 



publicado por olhar para o mundo às 21:15 | link do post | comentar

Terça-feira, 17.04.12

Real Madrid Perdeu na Alemanha


Bayern venceu por 2-1 no primeiro jogo das meias-finais da Champions. Uma vitória curta sobre a equipa de Madrid, que marcou um golo com assistência de Ronaldo.


A tradição manteve-se em Munique: o Bayern venceu o Real Madrid. Em 10 jogos, os bávaros venceram 9 e empataram um. Uma supremacia que se manteve sob a lei de Gómez.

Cristiano Ronaldo não marcou mas assistiu para o golo do Real Madrid, que saiu nesta noite de terça-feira com uma derrota por 2-1 no primeiro jogo das meias-finais da Liga dos Campeões. 

Ribéry marcou primeiro, ainda na primeira parte, mas o Real respondeu no segundo tempo com um golo do alemão Ozil, após assistência do português.

Quando se esperava que o jogo terminasse com um empate, o poderoso avançado Gómez fez o 2-1 em cima do minuto 90, deixando o Bayern em vantagem, curta, para o jogo da segunda mão, na quarta-feira dia 25 de Abril.

 

Retirado do Público



publicado por olhar para o mundo às 22:07 | link do post | comentar

Terça-feira, 20.03.12

Estádio da Luz recebe final da Liga dos Campeões em 2014


O Estádio da Luz vai receber a final da Liga dos Campeões de futebol em 2014, anunciou a UEFA.


A decisão foi tomada no primeiro dia da reunião do Comité Executivo da UEFA, que está a decorrer em Istambul, na Turquia. O organismo máximo do futebol europeu decidiu ainda que a final da Liga Europa da época 2013-14 será disputada em Turim, na Juventus Arena.

Esta será a segunda ocasião em que a capital portuguesa recebe a final da principal competição europeia de clubes. A estreia foi em 1967, quando Celtic e Inter defrontaram-se no Estádio Nacional.

Para além do confronto entre escoceses e italianos, para a Taça dos Campeões Europeus, Portugal foi escolhido para receber mais três jogos decisivos de provas organizadas pela UEFA: a final da Taça das Taças, em 1991-92, e a final do Euro 2004, ambas as partidas disputadas no Estádio da Luz, e a final da Taça UEFA no Estádio de Alvalade, em 2004-05.

A final deste ano da Liga dos Campeões será na Arena de Munique, a 19 de Maio, enquanto a de 2013 será disputado no Estádio de Wembley, em Londres. 

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 21:24 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Sexta-feira, 16.03.12

Benfica recebe o Chelsea que Jesus queria


O Benfica vai defrontar o Chelsea nos quartos-de-final da Liga dos Campeões. A primeira mão vai disputar-se na Luz. Se vencer a eliminatória, a equipa de Jorge Jesus defrontará o AC Milan ou o Barcelona nas meias-finais.


A equipa inglesa, que eliminou o Nápoles no prolongamento, era um dos adversários preferidos do treinador benfiquista. 

Benfica e Chelsea nunca se defrontaram em jogos oficiais.

As duas equipas partilham um dado estatístico que terá forçosamente de acabar para uma delas na Luz: ambas inauguraram o marcador nos oito jogos que realizaram esta temporada na Liga dos Campeões, tal como o Real Madrid.

Seis dos oito clubes presentes no sorteio em Nyon (Suíça) já foram campeões europeus, incluindo o Benfica. O Chelsea, o único inglês ainda em prova, é um dos dois que nunca conquistou o título, juntamente com a surpresa APOEL. No entanto, os "blues" chegaram cinco vezes às meias-finais nas oito temporadas anteriores.

A formação orientada agora por Roberto Di Matteo venceu o Grupo E, com três vitórias (todas em Stamford Bridge), dois empates e uma derrota. Nos oitavos-de-final perdeu em Itália por 3-1 e depois venceu em casa por 4-1. Venceu todos os jogos em Londres e nunca ganhou como visitante.

Na Premier League, está já afastada da corrida pelo título e ocupa o 5.º lugar, a 18 pontos do líder Manchester United.

A primeira mão dos quartos-de-final vai disputar-se a 27 ou 28 de Março, enquanto o segundo jogo está agendado para 3 ou 4 de Abril.

O vencedor da eliminatória entre o Benfica e o Chelsea irá encontrar o conjunto que sair por cima do duelo entre o AC Milan e o actual campeão europeu, o Barcelona.

Como curiosidade, refira-se que no ensaio geral antes do sorteio a sério a equipa que saiu ao Benfica foi o Barcelona.

O APOEL vai receber o Real Madrid na primeira mão, enquanto o Bayern Munique, anfitrião da final agendada para 19 de Maio, vai deslocar-se a Marselha.

Quartos-de-final
1: APOEL-Real Madrid
2: Marselha-Bayern Munique
3: Benfica-Chelsea
4: AC Milan-Barcelona

Meias-finais
Vencedor 2-Vencedor 1
Vencedor 3-Vencedor 4 

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 12:58 | link do post | comentar

Quarta-feira, 14.03.12

Inter eliminado no último minuto


Depois da derrota em França por 1-0, o Inter estava avisado de uma noite difícil agora em San Siro. E foi o que teve: mas no pior dos cenários. Acabou eliminado, porque ganhar por 2-1 foi insuficiente para seguir em frente na Liga dos Campeões.


A equipa de Ranieri ainda empatou a eliminatória, na segunda parte, por Milito (75’), mas Brandão, nos descontos, decidiu tudo, batendo Júlio César.

Ainda nos descontos, o árbitro português Pedro Proença ainda apitou um penálti a favor do Inter, expulsando o guarda-redes Mandanda, e Pazzini não falhou, mas o 2-2 no conjunto das duas mãos elimina a equipa italiana da prova.

O Marselha segue para os quartos-de-final da Liga dos Campeões, fase em que será mais um dos possíveis adversários do Benfica.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 08:42 | link do post | comentar

Quinta-feira, 08.03.12

Messi marcou 5 na liga dos campeões


O que é que ainda falta escrever sobre Lionel Messi? O jogador argentino nunca pára de surpreender e esta noite, em Camp Nou, destroçou o quinto classificado do campeonato alemão. Na segunda mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, Messi marcou cinco golos na histórica goleada do Barcelona por 7-1 sobre o Bayer Leverkusen e acrescentou mais algumas proezas a um currículo que é, cada vez mais, ímpar.


Até hoje nenhum jogador tinha marcado cinco golos num jogo da mais importante prova de clubes na Europa desde que a UEFA, em 1992, alterou o formato da prova. Messi, que nunca tinha conseguido uma “manita” na sua carreira, fê-lo numa partida que vai ficar também para a história do Bayer Leverkusen: os alemães nunca tinham sofrido uma derrota tão pesada nas competições europeias.

Com estes cinco golos, marcados aos 25’, 42’, 49’, 58’ e 84’, Messi atinge os 49 na Liga dos Campeões, ultrapassa Eusébio na lista dos melhores marcadores de sempre da competição e é agora o 6.º melhor nesse ranking, lugar que partilha com Alfredo Di Stéfano, outra lenda do futebol mundial.

Mas as proezas de Messi não se ficam por aqui. Esta época o argentino marcou 12 golos nos sete jogos que disputou na Liga dos Campeões, e igualou o recorde alcançado numa só edição. Quem o detinha? Messi, claro. Para mais tarde fica outro feito: faltam sete golos para superar César como o melhor marcador de sempre do Barcelona.

APOEL faz história

Os cinco golos de Messi relegaram para segundo plano a (fácil) qualificação dos catalães (total de 10-2 na eliminatória), os dois golos do jovem Cristian Tello em Camp Nou e a surpreendente qualificação do APOEL para os quartos-de-final.

Os cipriotas, que afastaram o FC Porto na fase de grupos, já tinham feito história ao atingirem os oitavos-de-final, algo nunca conseguido por um clube de Chipre, mas agora foram ainda mais longe. Após a derrota por 1-0 em Lyon, o APOEL igualou a eliminatória logo aos nove minutos, com um golo do ex-benfiquista Manduca, e depois assistiu-se no Estádio GSP, em Nicósia, a uma partida intensa, onde franceses e cipriotas nunca abdicaram de procurar o golo.

Apesar da boa qualidade do encontro, a vantagem mínima do APOEL manteve-se até ao final dos 90 minutos e o jogo seguiu para prolongamento, onde ambas as equipas voltaram a estar perto do golo. O nulo, no entanto, perdurou e a histórica qualificação do APOEL acabou por ser conseguida no desempate por marcação de grandes penalidades, com Lacazette e Michel Bastos a falharem para o Lyon. Mérito, também, do guarda-redes Chiotis. 

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 09:04 | link do post | comentar

Terça-feira, 06.03.12

Benfica bate Zenit e está nos “quartos” da Champions

O Benfica qualificou-se para os quartos-de-final da Liga dos Campeões ao vencer (2-0) o Zenit de São Petersburgo. Após terem perdido (2-3) na primeira mão, na Rússia, os “encarnados” colocaram um ponto final no sonho da formação orientada por Luciano Spalletti, com golos de Maxi Pereira e Nelson Oliveira.


Sem poder contar com Garay e Aimar, Jorge Jesus optou por Jardel e Rodrigo, respectivamente. E o Benfica esteve melhor que o Zenit na primeira parte. Os russos traziam vantagem da primeira mão e entraram na expectativa.

O guarda-redes Malafeev foi adiando o golo dos “encarnados”: opôs-se às tentativas de Bruno César (15’), Maxi Pereira (20’). Mas à segunda o lateral uruguaio não falhou. Já no tempo de compensação, e após um primeiro remate de Witsel, Maxi Pereira atirou para o fundo da baliza, colocando o Benfica na frente da eliminatória.

O Zenit foi para o intervalo a perder, e entrou na segunda parte obrigado a marcar para seguir em prova. Mas apesar de ter mais posse de bola, a formação russa não conseguiu incomodar Artur.

Já o Benfica desperdiçou um par de boas oportunidades para ampliar o resultado. Jardel, na sequência de um canto, cabeceou para fora (56’). E Cardozo, isolado na cara de Malafeev, atirou ao lado (70’).

No tempo de compensação, Nelson Oliveira deu a estocada final nas aspirações do Zenit. O Benfica garantiu o regresso aos quartos-de-final da Liga dos Campeões, seis anos após a última presença nesta fase da prova. Em 2005-06, o Benfica alcançou os “quartos” da Champions, tendo sido afastado pelo Barcelona, que viria a conquistar o troféu.

O Benfica fica a conhecer o adversário nos quartos-de-final da Liga dos Campeões no sorteio que se realiza a 16 de Março. Os jogos realizam-se a 27 e 28 de Março (primeira mão) e 03 e 04 de Abril (segunda mão). 

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 22:00 | link do post | comentar

Benfica  Jesus: “Sentimo-nos sempre pressionados”


Jorge Jesus defendeu nesta segunda-feira que o Benfica está sempre sob pressão e que confia na passagem aos quartos-de-final da Liga dos Campeões, apesar da derrota por 3-2, frente ao Zenit, na primeira mão.


“Sentimo-nos pressionados em todos os jogos. Jogamos sempre para vencer. Temos sempre a pressão das grandes equipas”, disse Jorge Jesus, desvalorizando a série de maus resultados da sua formação.

“Não vencemos o Porto, mas são competições diferentes. E sabemos por que perdemos com o FC Porto”, acrescentou o técnico benfiquista.

“O Benfica quer passar aos quartos-de-final. Não sei há quantos anos não passa, parece que é há 20”, disse ainda o treinador do Benfica, cometendo uma “gaffe”, já que em 2005-06 Ronald Koeman conduziu a equipa da Luz aos quartos-de-final da Champions.

Apesar da confiança em seguir em frente, Jesus deixou elogios ao Zenit.

“Zenit é uma equipa tacticamente forte, mas o Benfica também é. Temos uma eliminatória que era 50-50 antes de começar. Esta desvantagem é um resultado que nos pode dar ainda alguma confiança e achamos que temos todas as possibilidades de passar, mas também temos a certeza que vamos jogar contra uma equipa forte”, disse o treinador.

Na ausência de Garay (lesionado) e Aimar (castigado), Jesus deu a entender que Jardel fará dupla com Luisão e já não foi tão assertivo sobre a utilização de Rodrigo: “Vamos ver. Rodrigo vem de uma lesão e a pouco e pouco está a entrar.”

Questionado sobre o facto de preferir Emerson a Capdevila, o técnico benfiquista recusou dar explicações: “Não vou explicar porque joga o A ou B. Não explico aos jogadores, quanto mais aos jornalistas. As contratações são feitas pela ideia da equipa e não se esqueçam que são dois jogadores para a mesma posição.”

O Benfica defronta na terça-feira o Zenit, precisando de vencer para chegar aos quartos-de-final.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 08:30 | link do post | comentar

Quarta-feira, 15.02.12

Benfica perde pela segunda vez nesta temporada


O Zenit de São Petersburgo impôs ao Benfica a sua segunda derrota da época, ao vencer por 3-2 na primeira mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões.


A equipa de Jesus ainda empatou o jogo quase em cima da hora, mas uma falha de Maxi Pereira permitiu a Shirokov marcar o 3-2, impondo ao Benfica o segundo desaire da época – o primeiro foi na Madeira, com o Marítimo, para Taça de Portugal.

O Benfica colocou-se em vantagem na primeira oportunidade do jogo. O guarda-redes Zhevnov defendeu para a frente um livre um Oscar Cardozo e Maxi Pereira marcou na recarga (20’).

Os russos empenharam-se depois na reacção e demoraram sete minutos a empatar, com um bom golo de Shirokov, após um cruzamento de Hubocan (27’).

Pouco depois, Jorge Jesus foi obrigado a substituir Rodrigo (que minutos antes tinha sido alvo de uma entrada dura de Bruno Alves, o único português em campo) e lançou Aimar.

Na segunda parte, o Benfica até começou por controlar o jogo, mas seria o Zenit a colocar-se em vantagem, com uma boa jogada pela ala direita, finalizada pelo calcanhar de Semak (75’).

Cardozo ainda voltou a empatar o jogo (87’), aproveitando mais uma defesa incompleta do guarda-redes russo, e parecia evitar a derrota benfiquista.

Só que Maxi Pereira manchou uma boa exibição, ao fazer um mau alívio, que permitiu a Shirokov bisar (88’) e dar o triunfo ao Zenit.

A segunda mão realiza-se a 6 de Março na Luz, com o Benfica a ter a obrigação de vencer para chegar aos quartos-de-final, embora um triunfo pela margem mínima seja suficiente.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 20:14 | link do post | comentar

Terça-feira, 14.02.12

Golo de Hulk eleito o melhor da fase de grupos


Um livre directo de Hulk ao Shakhtar Donestk, no Dragão, foi eleito o melhor golo da fase de grupos da Liga dos Campeões pelos internautas que utilizam o site do UEFA.


O poderoso remate do avançado do FC Porto foi o escolhido por 29,6% dos votantes, à frente de um golo de Manduca (APOEL) ao FC Porto (21,7%), e de outro de Cristiano Ronaldo ao Ajax (18%).

O livre de Hulk foi cobrado a 30 metros da baliza e pode ser visto no site da UEFA

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 19:22 | link do post | comentar

Domingo, 26.06.11

Não sou ingrato. E por isso tenho de agradecer a este senhor que treinou o FC. PORTO, ou melhor, a quem o FC Porto deu a oportunidade de ouro de ser treinador principal de uma equipa de futebol profissional de topo. Uma das melhores do mundo. E por isso aqui fica o meu obrigado ao André pelos serviços prestados ao FC Porto. Mas agora tenho uma coisa a dizer-lhe: o meu caro amigo é de uma ingratidão a roçar a traição. E digo isto não porque saiu do cargo que ocupava, pois acho que foi um excelente negócio tanto a nível pessoal como para o FC Porto, mas porque o fez de uma forma escusada, imatura e quase provocadora. Se o fez por ingratidão, medo ou cobardia só o André saberá.

Eu, adepto confesso do clube, não precisava de o ver durante meses a vender o peixe de que ocupava a sua "cadeira de sonho", a pedir a jogadores para não saírem do clube, a fazer juras de amor eterno e de fidelidade, e depois fazer esta triste figura, evitando quem acreditou em si e enviando para o clube um fax a comunicar a rescisão contratual, porque um russo qualquer com mais dinheiro no bolso do que valores no cérebro o corrompeu (provavelmente através daquele senhor que anda sempre vestido de agente funerário) ao ponto de o André não perceber que existem várias formas de se crescer, mesmo a nível profissional. Vendeu o respeito a um clube e aos seus adeptos. Vendeu-se a si próprio. É a sua escolha. 

 

O clube, os adeptos e a sua cidade natal mereciam muito mais de si. O próprio André deveria ter feito a mesma escolha mas de outra forma pois é um jovem, iria receber os mesmos 5 milhões de euros por ano, ninguém o impediria. Esqueceu-se que se não lhe tivessem sido dadas as condições que teve, uma aposta em si como poucos fariam do Presidente do clube pessoalmente sem medo de pôr a cabeça no cepo, o André e seus adjuntos continuariam ainda hoje a tomar café na pastelaria junto ao estádio Cidade de Coimbra.

 

E ressalvo que acho muito bem que queira subir na vida, mas não se esqueça que a vida dá muitas voltas e o oligarca que agora o levou foi o mesmo que pôs José Mourinho a andar do clube quando se fartou dele. Para ele "o André é o gajo que o Inter queria, mas eu tenho dinheiro e eles não". E o André não é Mourinho e jamais irá ser por mais que o pintem de ouro. O Mourinho é Mourinho, o André era um adepto e treinador do FC Porto até há uns dias. E até Mourinho, depois de ganhar a taça UEFA, não sendo adepto do clube teve a inteligência e coragem de, mesmo assediado por todos os clubes europeus, ficar no Porto. Resultado: ganhou a CHAMPIONS LEAGUE.

 

Lembre-se disto: o meu Porto vai ser sempre muito maior do que o seu Chelsea. Nem há comparação possível. E tenho pena que não tenha percebido isto quando virou as costas à equipa que o fez valer 15 milhões de euros. O André até pode gritar ao mundo que é o special 2 (two), porque não é. Resta-me desejar-lhe toda a sorte do mundo. E não será preciso dizer-lhe que mesmo que não precise da equipa que o lançou para nada pois ficará rico num ano, para si o fax da SAD do FC Porto dará sempre o mesmo sinal: ocupado. 

 

Via 100 reféns



publicado por olhar para o mundo às 17:40 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Mourinho torce pelo Chels...

Real Madrid Perdeu na Ale...

Estádio da Luz recebe fin...

Benfica recebe o Chelsea ...

Liga dos campeões: Inter ...

Messi, acho que já não re...

Benfica bate Zenit e está...

Benfica, Jesus: “Sentimo...

Benfica perde pela segund...

Golo de Hulk eleito o mel...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Posts mais comentados
links
blogs SAPO
subscrever feeds

Error running style: Style code didn't finish running in a timely fashion. Possible causes: