Sábado, 30.07.11
Amy Winehouse terá deixado material para mais dois álbuns
Amy Winehouse terá deixado material para mais dois álbuns (Reuters)

Amy Winehouse estava a trabalhar no seu terceiro álbum de inéditos, o sucessor de “Back to Back”, pouco antes de morrer. Gravadas estão 12 músicas e em breve os milhões de fãs da cantora britânica, que morreu no passado sábado, poderão ficar a conhecê-las. Uma fonte da editora Universal revelou ao “The Guardian” que um álbum póstumo está a ser preparado.

 

“Back to Black”, de 2006, é o último trabalho conhecido de Winehouse. A origem de toda a fama, o ‘culpado’ que colocou a cantora no centro das atenções. Tudo o que de bom Amy Winehouse conseguiu, inclusive 5 Grammys, foi alcançado com este segundo álbum, mas também tudo de pior aconteceu à jovem britânica que não soube lidar com a fama. Depois da roda-viva em que viveu os últimos anos, entre entradas e saídas constantes de clínicas de reabilitação, Winehouse estava a preparar um terceiro disco. Com algumas pausas pelo meio, nos últimos dois anos, a britânica esporadicamente refugiava-se no estúdio, onde terá deixado pelo menos 12 músicas. Algumas delas ainda não estarão acabadas e precisarão do trabalho de um produtor, quem sabe Mark Ronson. 

“A Amy tinha mostrado interesse em voltar aos estúdios, e depois de algumas conversas toda a gente achou que era uma coisa positiva e uma forma de ela se distrair das outras coisas”, disse uma fonte da Universal, que não quis ser identificada.

Outra fonte, próxima da cantora, assegurou ao “The Guardian” que um novo álbum vai sair em breve e que existem mais do que 12 músicas. “A Amy era uma escritora, ela estava sempre a escrever músicas. Ela tinha estúdio em casa e costumava criar demos. Ultimamente até cantava e tocava bateria”, disse a fonte, explicando que em casa de Winehouse existem muitos materiais inéditos, pelo menos “para mais dois álbuns”.

Depois da morte de Amy Winehouse, a decisão de lançar um novo álbum passa também pelos pais da cantora. Só depois da permissão dos dois é que a editora pode planear o lançamento do disco.

Na última semana, a venda dos discos de Winehouse disparou e subiu aos tops por todo o mundo. Em Portugal, o responsável da FNAC revelou que a procura de “Frank” e “Back to Black” subiu 300 por cento, tendo esgotado o stock em muitas lojas.

 

Via Público



publicado por olhar para o mundo às 10:43 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Novo álbum de Amy Winehou...

arquivos

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Dezembro 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

tags

todas as tags

comentários recentes
Ums artigos eróticos são sempre uma boa opção para...
Acho muito bem que escrevam sobre aquilo! Porque e...
Eu sou assim sou casada as 17 anos e nao sei o que...
Visitem o www.roupeiro.ptClassificados gratuitos d...
então é por isso que a Merkel nos anda a fo...; nã...
Soy Mourinhista, Federico Jiménez Losantos, dixit
Parabéns pelo post! Em minha opinião, um dos probl...
........... Isto é porque ainda não fizeram comigo...
Após a classificação de Portugal para as meias-fin...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
links
blogs SAPO
subscrever feeds